Seculo

 

A um passo do PDT, Rodrigo Coelho se acomoda no governo


28/01/2016 às 12:07
Com o encaminhamento no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) pela procedência do pedido de desfiliação do PT, do deputado estadual Rodrigo Coelho o deixa a um passo de consolidar sua ida para o PDT. Neste sentido, o governo do Estado, que em um primeiro momento negou a manobra, agora confirma a ida do deputado para a Secretaria de Assistência Social do Estado. O deputado assume a pasta que era comandada por Sueli Vidigal (PDT).
 
Ao puxar o deputado estadual, o governador acomoda o PDT na Assembleia, concedendo a tão disputada vaga para Luiz Durão. O presidente do PT Estadual, Genivaldo Lievore, até tentou reivindicar a vaga, que beneficiaria a ele próprio, mas o parecer da Procuradoria Eleitoral e o voto do relator no TRE indicam que a desfiliação, sem caracterizar infidelidade partidária, é uma questão de tempo. 
 
Mas, para os meios políticos, a movimentação de Hartung em relação ao deputado estadual não estaria mirando apenas a acomodação do PDT na Assembleia. Ao trazer Coelho para o secretariado, a intenção do governador seria fortalecer o deputado de olho na eleição em Cachoeiro de Itapemirim, colocando-o como um postulante competitivo à sucessão de Carlos Casteglione na prefeitura. 
 
Rodrigo Coelho, que foi secretário de Casteglione, ao deixar o PT corta de vez o cordão umbilical com a atual gestão. Mas a intenção palaciana seria a de impor a Theodorico Ferraço (DEM) a segunda derrota consecutiva na disputa de sua principal base eleitoral. Em 2012, Ferraço apoiou a candidatura de Glauber Coelho (morto em 2014) e Hartung apoiou a reeleição de Casteglione
 
Ferraço e Hartung não estão alinhados mais e o governador parece decidido a sufocar os espaços políticos do demista. Como Rodrigo Coelho já demonstra fidelidade ao governador, se torna uma liderança importante nesse jogo contra Ferraço.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Jogo pesado

O que falta para um consenso na disputa interna do PSDB? Parar César Colnago!

OPINIÃO
Editorial
Auto-homenagem
Governo usa sessão solene da Assembleia para coroar política de educação escorada na vitrine do Escola Viva
Piero Ruschi
O ‘Santo Graal’ de Augusto Ruschi
Eventos recentes de desrespeito ao Museu Mello Leitão, camuflados sob a criação do INMA, ressuscitam episódios históricos lamentáveis
Renata Oliveira
Juntos ou separados?
O que pode ser mais complicado para Hartung ter todos os seus adversários no mesmo palanque ou cada um em seu quadrado
Gustavo Bastos
O verão do amor e o movimento hippie
O que representava o movimento hippie como tal era a utopia
Geraldo Hasse
As abelhas e o Agro
Alguns líderes se dão conta da mútua dependência entre animais e plantas
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

Quem me ensinou a nadar
Panorama Atual

Roberto Junquilho

Este blog fica por aqui
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Algo de novo no ar
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Contas públicas viram pano de fundo para disputa entre 'doutores' em Itapemirim

Jogo pesado

Justiça suspende cassação do mandato de Ruberci Casagrande

'Refiliação' de secretário aumenta tensão no PSDB

Juntos ou separados?