Seculo

 

A um passo do PDT, Rodrigo Coelho se acomoda no governo


28/01/2016 às 12:07
Com o encaminhamento no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) pela procedência do pedido de desfiliação do PT, do deputado estadual Rodrigo Coelho o deixa a um passo de consolidar sua ida para o PDT. Neste sentido, o governo do Estado, que em um primeiro momento negou a manobra, agora confirma a ida do deputado para a Secretaria de Assistência Social do Estado. O deputado assume a pasta que era comandada por Sueli Vidigal (PDT).
 
Ao puxar o deputado estadual, o governador acomoda o PDT na Assembleia, concedendo a tão disputada vaga para Luiz Durão. O presidente do PT Estadual, Genivaldo Lievore, até tentou reivindicar a vaga, que beneficiaria a ele próprio, mas o parecer da Procuradoria Eleitoral e o voto do relator no TRE indicam que a desfiliação, sem caracterizar infidelidade partidária, é uma questão de tempo. 
 
Mas, para os meios políticos, a movimentação de Hartung em relação ao deputado estadual não estaria mirando apenas a acomodação do PDT na Assembleia. Ao trazer Coelho para o secretariado, a intenção do governador seria fortalecer o deputado de olho na eleição em Cachoeiro de Itapemirim, colocando-o como um postulante competitivo à sucessão de Carlos Casteglione na prefeitura. 
 
Rodrigo Coelho, que foi secretário de Casteglione, ao deixar o PT corta de vez o cordão umbilical com a atual gestão. Mas a intenção palaciana seria a de impor a Theodorico Ferraço (DEM) a segunda derrota consecutiva na disputa de sua principal base eleitoral. Em 2012, Ferraço apoiou a candidatura de Glauber Coelho (morto em 2014) e Hartung apoiou a reeleição de Casteglione
 
Ferraço e Hartung não estão alinhados mais e o governador parece decidido a sufocar os espaços políticos do demista. Como Rodrigo Coelho já demonstra fidelidade ao governador, se torna uma liderança importante nesse jogo contra Ferraço.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Choque

Como diz o ditado, dois bicudos não se beijam. É isso mesmo, Fabrício Gandini?

OPINIÃO
Renata Oliveira
Carona perigosa
Hartung fez evento no mesmo dia da eleição da Amunes para atrair prefeitos, mas ausências ganharam mais destaque
Ivana Medeiros Zon
Mude de vida
Pensar na influência do comportamento e dos hábitos individuais, incluindo os de consumo, vai muito além do que podemos imaginar.
Nerter Samora
Pauta bomba
Fim da anistia a benefícios irregulares pode vingar rasteira dada em Ferraço por Hartung
JR Mignone
A volta da reza
Em 2013 escrevi sobre o ''Poder da Reza''. Hoje volto com ela, pois rezar, orar, falar com Deus, meditar, seja como for, nunca é demais
Caetano Roque
Briga desleal
Com a mídia na mão, o capital consegue fazer com que o cidadão acredite nas mentiras que eles querem
BLOGS
Blog do Phil

Phil Palma

pelas beiras!
Flânerie

Manuela Neves

Carmélia, um pouco mais dela
Panorama Atual

Roberto Junquilho

Deputado vai propor CPI para apurar crime da Samarco
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Entre sustos e suspresas
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Hartung muda discurso e atuação política depois da crise na segurança

Ferraço afirma que contrato de antecipação de royalties foi 'malfeito'

Presos do semiaberto vão trabalhar em obras e serviços públicos da Prefeitura de Colatina

Dúvida sobre relator do Caso Alexandre pode adiar julgamento de recurso no TJES

Da Vitória faz discurso apaziguador, mas mantém posição independente na Assembleia