Seculo

 

Psicólogos capixabas querem a saída do ministro de Saúde por causa de nomeação


04/03/2016 às 16:36
O Conselho Regional de Psicologia do Espírito Santo (CRP-ES) reunirá os profissionais do Estado para discutir as articulações para pedir a saída do ministro da Saúde Marcelo Castro (PMDB). Para CRP, ele demonstrou não ter compromisso com a pauta da reforma psiquiátrica e com o fim dos manicômios. 
A insatisfação dos psicólogos com o ministro foi motivada pela nomeação de Valencius Wurch para a Coordenação Geral de Saúde Mental, Álcool e outras Drogas, em dezembro do ano passado. Wurch dirigiu por 10 anos o maior manicômio da América Latina, a Casa de Saúde Dr. Eiras de Paracambi, no Rio de Janeiro, fechada por ordem judicial em 2012 por violação de direitos humanos.
Os encontros deste final de semana que vão discutir a questão acontecem no auditório do Incaper, em Vitória, das 14 às 17 horas; no sábado (5), das 9 às 12 horas, na Multivix de São Mateus; e no dia 12 de março, das 9 às 12 horas na Faculdade Pitágoras de Linhares.
As atividades do fim de semana fazem parte do Congresso Regional de Psicologia (4º Corep), que acontecerá em abril, e são chamadas de Pré-Coreps. 
Além de discutir as estratégias para afastar o ministro, os pré-congressos que começam neste fim de semana farão a defesa da laicidade da profissão, com afastamento completo das influências de convicções religiosas da atuação do profissional, rechaçando práticas como a chamada “cura gay”, por exemplo, que não encontra nenhum respaldo científico legitimado pela profissão.
Também será defendida a despatologização da identidade trans com a revogação da necessidade de laudos psicológicos atestando doença para que as pessoas transexuais façam a retificação de seus nomes. A visibilidade trans passa pela retificação do registro civil e é preciso dialogar com os movimentos, com as pessoas trans e com os operadores do Direito para a desconstrução da necessidade de um CID (Classificação Internacional de Doenças), o que muitas vezes ainda é exigido no Poder Judiciário.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Facebook/Eliana
Território político

Inferno astral do prefeito de Linhares, Guerino Zanon, deixa o campo aberto para a deputada estadual Eliana Dadalto

OPINIÃO
Editorial
'Gestão compartilhada'
Ofensiva de Luciano Rezende contra movimento dos professores revela autoritarismo e inabilidade política
Piero Ruschi
Pets: uma questão de responsabilidade socioambiental
Felizes as pessoas que podem ter um animal de estimação! Felizes os animais de estimação que têm um dono responsável!
Gustavo Bastos
Para que Filosofia?
''é melhor existir do que o nada''
Bruno Toledo
Por que negar os Direitos Humanos?
Não há nada de novo nesse discurso verde e amarelo que toma as ruas. É a simples manutenção das bases oligárquicas do Brasil
Eliza Bartolozzi Ferreira
Políticas de retrocesso
Dados educacionais do governo Paulo Hartung são alarmantes
Roberto Junquilho
Que novo é esse?
O presidenciável do PRB, Flávio Rocha, apresenta velhas fórmulas de gestão e envolve jovens lideranças
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Para, relógio
MAIS LIDAS

Território político

Procon multa imobiliária e construtora responsáveis por condomínio em Setiba

TJES adia pela quinta vez processo de Dr. Hércules sobre dívida de campanha

Justiça realiza audiência do processo contra seminarista de Boa Esperança

Sindipol denuncia 'mentiras' do governo sobre médicos legistas