Seculo

 

Aposentadoria...


15/06/2016 às 16:17
Criada na Alemanha, no final do século XIX, com o objetivo de prover uma renda aos idosos, a partir de 70 anos de idade e também aos que ficassem inválidos ou incapacitados para o trabalho. No Brasil a aposentadoria chega em 1923, inicialmente apenas para a categoria dos ferroviários e nos anos seguintes estendendo a outras categorias.
 
Até que em 1988, a partir da promulgação da Constituição Federal, os benefícios da Previdência Social foram estendidos a todos os trabalhadores e desde então a aposentadoria sofre (u) mudanças em quase todos os governos.
 
Ao analisarmos o cenário atual, considerando a queda nos postos de trabalho formais, o aumento do desemprego e, consequentemente, a queda na arrecadação para a Previdência Social, somada a má gestão, dá a visão de sua situação, considerando que é “custeada” pelo contribuinte, pela empresa, pelos aposentados e pelo governo, mas apesar disso, suas contas não fecham.
 
O fator previdenciário foi instituído pela Lei 9.876/99 para conter os gastos da Previdência Social, reduzindo, com a aplicação da fórmula, o valor do salário benefício de quem se aposentasse abaixo da idade mínima, mesmo que contando com o tempo de contribuição, pois considera também a expectativa de vida do segurado.
 
Das mudanças recentes na Previdência, podemos citar a advinda da Lei 13.183, de 04/11/15, em seu art. 29-C que faculta ao segurado que for solicitar a aposentadoria por tempo de contribuição optar pela não incidência do fator previdenciário no cálculo do seu salário benefício (aposentadoria) desde que a soma de sua idade atual e o total do tempo de contribuição corresponder respectivamente a 85, se mulher e, 95, se homem.
 
Recentemente a proposta que vem sendo defendida pelo governo é a de estabelecer idade mínima de 65 e 60 anos, respectivamente, para homens e mulheres, nos pedidos de aposentadoria.
 
Esse histórico reforça a reflexão de que não se deve pensar apenas ou principalmente na Previdência Social para a aposentadoria, porque afinal, sua função mais importante é a de assegurar o cidadão contribuinte no momento em que estiver vulnerável e/ou inapto ao trabalho, quando lhe garante a proteção social, através do gozo do benefício do auxílio doença.
 
Segundo dados oficiais atuais somam mais de 39 milhões de trabalhadores na ativa, contribuintes da Previdência e 18,5 milhões inativos – aposentados.
 
O ideal é contar com a previdência pública - INSS, mas não somente com ela para a aposentadoria, considerando a história recente do Instituto e, cientes que é insuficiente para garantir a sobrevivência na fase do envelhecimento, onde o custo de vida aumenta, principalmente, com o item saúde no orçamento.
 
Então, é preciso avaliar: qual é o peso real da aposentadoria em seu planejamento futuro? Considerar a importância de formar reserva e fazer investimentos, que possam ser utilizados na complementação desta renda na fase específica do ciclo de vida.
 

Ivana Medeiros Zon, Assistente Social, especialista em Saúde da Família e em Saúde Pública,Educadora Financeira, membro da ABEF - Associação Brasileira de Educação Financeira, palestrante, consultora, colunista do Portal EduFin www.edufin.com.br
https://sites.google.com/site/saudefinanceiraivanamzon/

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Caravana do Amaro

Com a consolidação do movimento em torno de Amaro Neto, deputados partem agora para suas bases eleitorais, exibindo o porta-estandarte de 2018

OPINIÃO
Editorial
A ‘súmula Zenkner’
O desfecho do caso do promotor que queria passar um ano nos Estados Unidos mostrou a importância do papel da imprensa de fiscalizar os agentes públicos
Piero Ruschi
Crise Ambiental
Apesar de ser abençoado pela ausência de desastres naturais como vulcões, terremotos e tufões, o Brasil amarga a desgraça de suas catástrofes ambientais
Renata Oliveira
Amaro assusta?
Os senadores Ricardo Ferraço e Magno Malta tiveram reações diferentes ao movimento do deputado
JR Mignone
Rádio saúde
Nova rádio na web mostra que esse segmento deve crescer na internet
Caetano Roque
A nova do imposto sindical
Como o Movimento Sindical não foi protagonista no processo, agora o recurso virou moeda de troca na mão do capital
BLOGS
Blog do Phil

Phil Palma

Um homem nu.
Flânerie

Manuela Neves

Sizino, o pioneiro
Panorama Atual

Roberto Junquilho

A Força Nacional e o marketing de uma falsa segurança
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Sopa de Letrinhas
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Justiça condena Gildevan Fernandes à perda do mandato por fraude em licitação

Ministério Público pede rejeição das contas de oito prefeituras em 2015

Caravana do Amaro

Ex-presidente da Câmara de Vereadores Viana é condenado a ressarcir erário

Recorde de baleias jubartes encalhadas mostra falhas no processo de monitoramento e resgate