Seculo

 

Indústria abre guerra contra ‘taxação’ de incentivos fiscais pelos estados


09/01/2017 às 17:10
A possibilidade do aproveitamento de parcela dos incentivos fiscais em fundos estaduais é alvo de disputa no Supremo Tribunal Federal (STF). No final de 2016, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) protocolou uma ação direta de inconstitucionalidade (ADI 5635) contra uma lei fluminense, que destina 10% dos benefícios em favor do Fundo Estadual de Equilíbrio Fiscal (FEEF). No Espírito Santo, um projeto de lei apresentado na Assembleia Legislativa prevê o uso dos recursos da contrapartida de incentivos fiscais para ajudar no financiamento da saúde.

De acordo com informações do STF, a CNI alega que o Estado do Rio de Janeiro teria criado uma nova “espécie tributária” com a lei, que condiciona a fruição do benefício ao depósito no fundo. De acordo com a Lei 7.428/2016, o percentual de 10% é calculado sobre diferença entre o valor do imposto calculado com e sem utilização do benefício ou incentivo concedido à empresa beneficiada. Para a entidade, essa “espécie tributária” não encontra amparo legal, tampouco pode ser classificada como taxa ou contribuição de melhoria.

Ainda segundo a entidade, a vinculação de receita tributária a Fundo afronta o artigo 167 da Constituição Federal, que veda a vinculação de receitas de impostos a órgãos, fundos ou despesas, ressalvadas as hipóteses lá previstas. Com esses argumentos, a entidade pediu a concessão de liminar para suspender a eficácia da lei até o julgamento final da Adin. O caso foi distribuído para o ministro Luís Roberto Barroso.

No mérito, a CNI visa a declaração da inconstitucionalidade dos artigos 2º, 4º (caput e inciso I) e 5º da lei e, por arrastamento, dos dispositivos correlatos do Decreto 45.810/2016, que regulamentou a norma atacada. A Confederação pede, ainda, a declaração de inconstitucionalidade dos dispositivos correlatos do Convênio 42/2016, que criou no âmbito do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) a possibilidade de os estados condicionarem a fruição de benefícios relacionados ao ICMS a depósito em fundo de equilíbrio fiscal.

Benefícios podem financiar hospitais no ES

Enquanto a legalidade deste tipo de fundo é questionada em Brasília, a Assembleia capixaba analisa um projeto de lei que destina a contrapartida de incentivos fiscais para financiamento da saúde. A ideia é do deputado Rodrigo Coelho (PDT), que protocolou o PL 349/2016 visando instituir o Fundo Estadual de Apoio aos Hospitais Públicos e Filantrópicos. A matéria recebeu o parecer negativo da Mesa Diretora, mas deve ser reapreciada pela Comissão de Justiça antes de iniciar sua tramitação.

Além de parte dos benefícios concedidos a empresas pelo governo estadual, o fundo também poderá receber verbas “devolvidas”, isto é, duodécimos não utilizados e restituído ao Executivo, oriundos dos demais poderes (Legislativo, Judiciário, Ministério Público e Tribunal de Contas). Atualmente, o projeto de lei está sob exame da Procuradoria da Casa, que vai opinar pelo seguimento ou não da discussão.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Caravana do Amaro

Com a consolidação do movimento em torno de Amaro Neto, deputados partem agora para suas bases eleitorais, exibindo o porta-estandarte de 2018

OPINIÃO
Editorial
A ‘súmula Zenkner’
O desfecho do caso do promotor que queria passar um ano nos Estados Unidos mostrou a importância do papel da imprensa de fiscalizar os agentes públicos
Piero Ruschi
Crise Ambiental
Apesar de ser abençoado pela ausência de desastres naturais como vulcões, terremotos e tufões, o Brasil amarga a desgraça de suas catástrofes ambientais
Renata Oliveira
Amaro assusta?
Os senadores Ricardo Ferraço e Magno Malta tiveram reações diferentes ao movimento do deputado
JR Mignone
Rádio saúde
Nova rádio na web mostra que esse segmento deve crescer na internet
Caetano Roque
A nova do imposto sindical
Como o Movimento Sindical não foi protagonista no processo, agora o recurso virou moeda de troca na mão do capital
BLOGS
Blog do Phil

Phil Palma

Um homem nu.
Flânerie

Manuela Neves

Sizino, o pioneiro
Panorama Atual

Roberto Junquilho

A Força Nacional e o marketing de uma falsa segurança
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Sopa de Letrinhas
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Ex-presidente da Câmara de Vereadores Viana é condenado a ressarcir erário

Equipe de Hartung está na alça de mira dos deputados na disputa por bases eleitorais

Recorde de baleias jubartes encalhadas mostra falhas no processo de monitoramento e resgate

Vereadores de Aracruz aprovam criação de CPI ‘mais ampla’ sobre contratos de lixo

A ‘súmula Zenkner’