Seculo

 

Não é bem assim


09/02/2017 às 13:42

O  colunista do jornal O Globo, Merval Pereira, assina artigo intitulado “Hartung tem razão”. O colunista destaca a manobra da Polícia Militar e destaca a posição do governador Paulo Hartung (PMDB), declarada em entrevista coletiva nessa quarta-feira (9) de que o movimento é chantagem.

Merval Pereira  ocupa a cadeira 31 da Academia Brasileira de Letras, que já pertenceu a João Ribeiro, Paulo Setúbal e Cassiano Ricardo , não se preocupa muito com a guerra civil que se instalou no Espírito Santo, afinal de contas, ele é imortal

E por não ser um profundo leitor dos discursos de Hartung não esteja entendendo muito bem o que acontece no Espírito Santo. Hartung pode ter razão em relação à chantagem, mas sua política de austeridade tem culpa também.

Sim, o movimento tem um simulacro de manifestação de famílias de militares. Sim, eles esperaram a ausência de Hartung para deflagrar o movimento. Sim, a greve é inconstitucional e o caos tem a responsabilidade da Polícia Militar também.

Mas é preciso avaliar os motivos que levaram a categoria a uma atitude tão extremada. E se não houve um acordo até agora, isso acontece porque nenhum dos lados quer ceder. O governo insiste em uma estratégia que já foi pro vinagre de inflar a imagem de Hartung. Estratégia que sua assessoria, paga a preço de ouro, tenta ainda salvar com comentários como o de Merval Pereira.

Não se sustenta mais a história de que é possível fazer um ajuste fiscal tão duro que vem comprometendo o funcionamento básico da estrutura do Estado em nome do fortalecimento da imagem do político Paulo Hartung, dentro de uma estratégia nacional para 2018.  

Fragmentos:

1 – Enquanto a senadora Rose de Freitas (PMDB) se expôs demais e ficou mal com o governador Paulo Hartung (PMDB). Já tem campanha nas redes sociais para ajudar a encontrar os senadores Ricardo Ferraço (PMDB) e Magno Malta (PR), que estão “desaparecidos” desde o início da crise na segurança.

2 – Renato Casagrande (PSB) aparece na Carta Capital criticando seu sucessor. Esqueceu que André Garcia era secretário dele também? E que a PM não está cobrando reajuste dos últimos três anos apenas?

3 – Quando a poeira abaixar, como será que ficará a relação entre o governo do Estado e a Assembleia Legislativa? Hoje não está nada boa.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Declaração de guerra

Luciano Rezende inflou tanto a candidatura de Denninho, para se livrar da única oposição que sofria na Câmara, que acabou arrumando um problemão dentro de casa

OPINIÃO
Editorial
Operação seletiva
Mandado de busca coletivo cumprido nesta quinta (17) em Jesus de Nazareth viola Estado Democrático de Direito
Renata Oliveira
Estilhaços da bomba
O programa do PSDB Nacional foi demolidor e serve bem ao discurso palaciano para o processo eleitoral de 2018
Geraldo Hasse
Pedalando rumo ao Norte
Até quando os brasileiros se deixarão governar por quem não os representa?
BLOGS
Blog do Phil

Phil Palma

Um homem nu.
Flânerie

Manuela Neves

Sizino, o pioneiro
Panorama Atual

Roberto Junquilho

A Força Nacional e o marketing de uma falsa segurança
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

A árvore da via
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Tribunal condena promotor que alterou depoimento de testemunha em caso de ‘rachid’

Polícia Federal investiga superfaturamento de contrato em Cariacica

Universitários guaranis realizam encontro sobre saúde e saberes tradicionais

Declaração de guerra

Ex-prefeitos de São Gabriel da Palha viram réus em ação de improbidade