Seculo

 

Assembleia aprova PEC pela ‘aprovação automática’ das contas de prefeitos


13/02/2017 às 17:50
A Assembleia Legislativa aprovou, nesta segunda-feira (13), em primeiro turno, a proposta de emenda constitucional (PEC 11/2016), que garante a emissão do parecer prévio pela aprovação das contas de prefeitos que não foram analisadas dentro do prazo pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE). A matéria prevê ainda a responsabilização de conselheiros ou servidores pela demora no exame dos casos. A PEC foi aprovada por vinte votos favoráveis contra apenas um contrário – além de uma abstenção. Para fazer parte da Constituição, o texto ainda precisa ser votado em segundo turno.

A proposta é de autoria do deputado Enivaldo dos Anjos (PSD), conselheiro aposentado do TCE, que defendeu novamente a possibilidade de aprovação automática das contas – cujo julgamento definitivo cabe às Câmaras de Vereadores. Na sessão desta segunda, ele citou que a própria Assembleia tem várias prestações de contas pendentes de análise, algumas do início da década de 2000. O deputado fez o apelo aos colegas para aprovação da PEC em primeiro turno para colaborar com o debate em segundo turno.

O objeto da proposta é alvo de divergências no mundo jurídico. Recentemente, o Supremo Tribunal Federal (STF) declarou a inconstitucionalidade de artigos da Constituição do Estado de Sergipe que tratavam do mesmo assunto. Para a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, relatora da ação, a exigência do parecer prévio elaborado pelo TCE para julgamento das contas do prefeito não pode ser dispensada. A PEC capixaba tem dispositivo semelhante à norma sergipana, obrigando a remessa das contas após 18 meses sem julgamento.

A proposta de Enivaldo foi considerada inconstitucional pela Comissão de Justiça, mas o parecer acabou sendo derrubado pelo plenário da Casa. 

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

OPINIÃO
Renata Oliveira
Mau negócio
Quando Casagrande e Hartung passam a polarizar o cenário, a política capixaba deixa de ser interessante para a Odebrencht
Geraldo Hasse
O despudor do poder
O marqueteiro-mór pagou multa de R$ 30 milhões à Justiça, deu depoimento e saiu rindo
Lídia Caldas
Por que engordamos?
Estamos ingerindo muito carboidrato de má qualidade. Fomos viciados pela indústria de alimentos em gordura saturada, açúcar e sal
BLOGS
Blog do Phil

Phil Palma

Imperdivel! Já em cartaz!
Flânerie

Manuela Neves

Nenna, em transição
Panorama Atual

Roberto Junquilho

A Odebrecht quebrou a "Omertá", e agora?
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Nossa Terra, nossa gente
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Candidatura individual para a Mesa Diretora indica nova realidade na Assembleia

TJES fará nova sessão de escolha em concurso para cartórios de 2006

Vereadora protocola indicação para nova licitação de ônibus em Vitória

Justiça rejeita ação popular contra programa de rádio do prefeito de Marataízes

Polícia Militar antecipa reintegração de posse de área em Vitória