Seculo

 

Negociação com o Banco do Brasil consegue manutenção de carga horária para empregados


16/02/2017 às 17:10
O Banco do Brasil informou em comunicado nesta quarta-feira (15) que os funcionários que estão recebendo a Verba de Caráter Pessoal (VCP) não precisarão cumprir jornada de 8 horas, conforme era o normativo até agora, e poderão trabalhar 6 horas. A VCP que por quatro meses a remuneração do cargo anterior.

A verba mantém a remuneração como forma de proteger os milhares de funcionários que irão perder o cargo ao final do processo reestruturação do banco, anunciada em 20 de novembro de 2016.

A Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf), através da Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil, vinha reivindicando a alteração da jornada desses trabalhadores, bem como contestando a assinatura do termo de recebimento de VCP.

Os funcionários em VCP eram obrigados a assinar um termo abrindo mão de horas extras durante o período de VCP, bem como cumprir a jornada de horas do cargo anterior.

Com a medida anunciada nesta quarta-feira, os funcionários em VCP somente farão jornada de 8 horas se o cargo atual, inferior ao anterior, seja de jornada de 8 horas.

Para Wagner Nascimento, coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB, “é uma medida que atende à reivindicação feita pela Comissão de Empresa em Mesa de Negociação e atenua um pouco a situação de quem teve redução de salário, seja por perda total do cargo ou realocação em cargo inferior”.

Uma nova rodada de negociação entre o Banco do Brasil e a comissão está marcada para a próxima quarta-feira (22), em Brasília.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Jogo pesado

O que falta para um consenso na disputa interna do PSDB? Parar César Colnago!

OPINIÃO
Editorial
Auto-homenagem
Governo usa sessão solene da Assembleia para coroar política de educação escorada na vitrine do Escola Viva
Piero Ruschi
O ‘Santo Graal’ de Augusto Ruschi
Eventos recentes de desrespeito ao Museu Mello Leitão, camuflados sob a criação do INMA, ressuscitam episódios históricos lamentáveis
Renata Oliveira
Juntos ou separados?
O que pode ser mais complicado para Hartung ter todos os seus adversários no mesmo palanque ou cada um em seu quadrado
Gustavo Bastos
O verão do amor e o movimento hippie
O que representava o movimento hippie como tal era a utopia
Geraldo Hasse
As abelhas e o Agro
Alguns líderes se dão conta da mútua dependência entre animais e plantas
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

Quem me ensinou a nadar
Panorama Atual

Roberto Junquilho

Este blog fica por aqui
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Algo de novo no ar
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Contas públicas viram pano de fundo para disputa entre 'doutores' em Itapemirim

Jogo pesado

Justiça suspende cassação do mandato de Ruberci Casagrande

'Refiliação' de secretário aumenta tensão no PSDB

Juntos ou separados?