Seculo

 

'Ficamos receosos que haja uso político para favorecer ou prejudicar alguém'


10/03/2017 às 13:09
José Rabelo e Rogério Medeiros
Imagens: Leonardo Sá/Porã
 
Na entrevista a seguir, o major Rogério Fernandes Lima, presidente da Associação dos Policiais Militares do Espírito Santo (Assomes), analisa as principais consequencias do Projeto de Lei Complementar (PLC), aprovado nessa quarta-feira (8) na Assembleia, que altera as regras de promoção da Polícia Militar.
 
Para o major, a proposta deveria ser discutida com as associações e com a categoria. Como pontos controversos do PLC, o presidente da Assomes destacou os critérios de promoção. “Ficamos receosos que haja uso político para favorecer ou prejudicar alguém. Não estamos dizendo em momento algum que isso irá acontecer. Mas que há temor, há.”
 

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

'Tem boi na linha'

Metendo-se no meio da disputa caseira entre Hartung e Casagrande, Rose de Freitas tem realmente alguma chance?

OPINIÃO
Editorial
As novas roupagens da censura
Os resquícios da ditadura militar ainda assombram a liberdade de expressão no País, estendendo seus tentáculos para o trabalho da imprensa
Bruno Toledo
Estado sem PIEDADE!
As tragédias que se sucedem no Morro da Piedade sintetizam as contradições mais evidentes e brutais do modelo de sociedade e de Estado que estamos mergulhados
Eliza Bartolozzi Ferreira
A raposa cuidando do galinheiro
Na lógica do custo-benefício, governo Hartung entende que deve ofertar um ensino pasteurizado, de baixo custo e restrito a quem podem estudar em período integral
JR Mignone
A cobertura da Copa
No mês que antecedeu a Copa e no mês do desenrolar da competição, a Globo abusou da cobertura a ponto de cansar até o telespectador que gosta de esportes
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Entre a salada e o vinho
MAIS LIDAS

Atlas da Violência: Serra e São Mateus registraram o maior índice de homicídios

Sicoob em Cariacica é processado por falta de acessibilidade

Governo escolhe local para base da PM sem consultar moradores da Piedade

Moradores impedem devastação ainda maior da Aracruz Celulose (Fibria) em Lagoa de Coqueiral

A raposa cuidando do galinheiro