Seculo


  • Lava Jato no ES

 

Homem é morto a tiros nas dependências do Instituto Estadual de Meio Ambiente


17/04/2017 às 16:55
Um homem ainda não identificado foi morto nas dependências do Instituto Estadual de Meio Ambiente (Iema), em Cariacica, na manhã desta segunda-feira (17), ao supostamente tentar roubar a arma de um vigilante patrimonial. Segundo testemunhas, o homem aparentava estar desnorteado e chegou a tirar a roupa antes de entrar na autarquia e ser alvejado.

O caso se assemelha ao do morador de Vila Velha, Diego Biasutti, morto em 2015, aos 28 anos, por vigilantes patrimoniais dentro da prefeitura de Vila Velha, ao entrar no edifício e entrar em luta corporal com os seguranças.

No caso desta segunda-feira, ao homem também se atribuiu a tese de que não estaria em completo domínio das faculdades mentais antes de ser atingido. Relatos dão conta que, antes de entrar nas dependências da autarquia, ele teria urinado no portão de outra empresa que funciona na mesma rua.

A morte ocorrida dentro do Iema coincide com a redução da vigilância na autarquia. De acordo com o Sindicato dos Servidores Públicos do Estado (Sindipúblicos-ES), o homem conseguiu entrar no Iema devido à fragilidade no controle de acesso no local. Além disso, a política de cortes do atual governo reduziu o número de seguranças tanto na sede da autarquia quanto nos parques estaduais.

De acordo com a entidade, na sede, que fica no bairro Jardim América, rodeada de uma grande área verde, os servidores sentem medo e receio durante sua permanência no trabalho, pelo fato de o local já ter sido alvo de criminosos algumas vezes.

Prefeitura de Vila Velha

No caso ocorrido na prefeitura de Vila Velha durante a gestão do ex-prefeito, Rodney Miranda (DEM), Diego Biasutti, que estava desarmado, descalço e carregando apenas uma Bíblia subiu os três andares da prefeitura sem ser impedido.

No terceiro andar do prédio, Biasutti entrou em luta corporal com o vigilante e foi baleado na cabeça, morrendo no local. Antes de matar o jovem, o segurança ainda chegou a disparar um tiro de advertência para o alto.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Descompasso

Hartung priorizou tanto lotear a gestão com quadros políticos, que os embates ocorrem na contramão de sua própria estratégia. Rodney Miranda que o diga...

OPINIÃO
Editorial
Esgoto veio à tona
Manietada pelo governo, CPI para investigar Cesan se torna obrigatória após denúncias envolvendo a companhia
Piero Ruschi
O desmanche do Museu Mello Leitão
Um ato de desrespeito à população que foi camuflado e conta com o apoio da própria diretoria e sua associação de amigos
Renata Oliveira
Vai liberar?
Rodrigo Janot pode criar um precedente muito ruim para a política brasileira ao anistiar quem recebeu o “caixa dois do bem”
Caetano Roque
Desmonte em curso
Enquanto o movimento sindical dorme , o capital segue a passos largos a retirada de direitas
Nerter Samora
#SomosTodosBaianinho
Causa espécie um encontro às portas fechadas entre o governo e parte do empresariado capixaba logo após a “delação do fim do mundo”
Geraldo Hasse
O despudor do poder
O marqueteiro-mór pagou multa de R$ 30 milhões à Justiça, deu depoimento e saiu rindo
JR Mignone
Inquietudes políticas
O ''Fica, temer'' de Gaspari e a pesquisa que confirma a memória curta do eleitor
Caetano Roque
Greve na rua
É hora de o trabalhador dar a resposta as ações antidemocrática do governo golpista
BLOGS
Blog do Phil

Phil Palma

Um homem nu.
Flânerie

Manuela Neves

Nenna, em transição
Panorama Atual

Roberto Junquilho

A Odebrecht quebrou a "Omertá", e agora?
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Nossa Terra, nossa gente
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

CPI da Odebrecht quer investigar contratos de empreiteiras com setor público

Descompasso

Sindicato quer que Nestlé preste esclarecimentos sobre possível venda da marca Serenata de Amor

Empresa de informática nega irregularidades em contratos com a Sesa

Assembleia barra projeto que acaba com exclusividade da Cesan na região metropolitana