Seculo

 

Homem é morto a tiros nas dependências do Instituto Estadual de Meio Ambiente


17/04/2017 às 16:55
Um homem ainda não identificado foi morto nas dependências do Instituto Estadual de Meio Ambiente (Iema), em Cariacica, na manhã desta segunda-feira (17), ao supostamente tentar roubar a arma de um vigilante patrimonial. Segundo testemunhas, o homem aparentava estar desnorteado e chegou a tirar a roupa antes de entrar na autarquia e ser alvejado.

O caso se assemelha ao do morador de Vila Velha, Diego Biasutti, morto em 2015, aos 28 anos, por vigilantes patrimoniais dentro da prefeitura de Vila Velha, ao entrar no edifício e entrar em luta corporal com os seguranças.

No caso desta segunda-feira, ao homem também se atribuiu a tese de que não estaria em completo domínio das faculdades mentais antes de ser atingido. Relatos dão conta que, antes de entrar nas dependências da autarquia, ele teria urinado no portão de outra empresa que funciona na mesma rua.

A morte ocorrida dentro do Iema coincide com a redução da vigilância na autarquia. De acordo com o Sindicato dos Servidores Públicos do Estado (Sindipúblicos-ES), o homem conseguiu entrar no Iema devido à fragilidade no controle de acesso no local. Além disso, a política de cortes do atual governo reduziu o número de seguranças tanto na sede da autarquia quanto nos parques estaduais.

De acordo com a entidade, na sede, que fica no bairro Jardim América, rodeada de uma grande área verde, os servidores sentem medo e receio durante sua permanência no trabalho, pelo fato de o local já ter sido alvo de criminosos algumas vezes.

Prefeitura de Vila Velha

No caso ocorrido na prefeitura de Vila Velha durante a gestão do ex-prefeito, Rodney Miranda (DEM), Diego Biasutti, que estava desarmado, descalço e carregando apenas uma Bíblia subiu os três andares da prefeitura sem ser impedido.

No terceiro andar do prédio, Biasutti entrou em luta corporal com o vigilante e foi baleado na cabeça, morrendo no local. Antes de matar o jovem, o segurança ainda chegou a disparar um tiro de advertência para o alto.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Rabiscos eleitorais

Articuladores já fazem suas contas de 2018. Entre os deputados considerados reeleitos, está quase toda bancada do PMDB, incluindo Erick Musso. Mas, antes, terá que colocar um ''bonde'' pra correr

OPINIÃO
Editorial
À oposição, o respeito!
Seja manifestando uma simples opinião ou criticando medidas do próprio legislativo ou do governo, falou em Sergio Majeski, o tiroteio é garantido
Piero Ruschi
Carta de aniversário ao papai
‘Venho lhe desejar um feliz aniversário de 102 anos, o mais feliz possível, diante de todas mazelas que atormentam o Museu que o senhor criou e o meio ambiente que tanto defendeu
Gustavo Bastos
Destino e acaso
''Quanto ao cético do acaso, ele chama destino de delírio e acaso de nada''
Geraldo Hasse
Em defesa da soberania
Manifesto combate o entreguismo, filho dileto do colonialismo neoliberal
Roberto Junquilho
Os pequenos se movem
Para garantir verba do fundo partidário, siglas como o PCdoB têm que apresentar chapa majoritária em 2018. E, no Estado, como fica?
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

Quem me ensinou a nadar
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Quem quer dinheiro?
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Hartung reforça interesse em projeto nacional nas eleições de 2018

Manifesto denuncia ameaças a lideranças mobilizadas contra agrotóxicos em Boa Esperança

Fundação Renova é multada e Samarco/Vale-BHP vira alvo de mais uma ação civil pública

Morre Chico Flores

Trabalhadores encerram Greve em Brasília e Jejum nos estados