Seculo

 

Desmonte em curso


18/04/2017 às 11:03
O movimento sindical tem que se dar conta de que o desmonte vai se dar querendo ou não. Embora o sistema possa ajudar sem querer, acabando com o imposto sindical, mas isso não é certo que aconteça. Todos os órgãos do governo estão fazendo o desmonte na calada da noite. O INSS, por exemplo, está tirando os aposentados dos bancos públicos e passando para a iniciativa privada.
 
Isso sinaliza que a greve geral é um dos pontos importantíssimos para conter a voracidade do mercado, ansioso para retirar todos os direitos dos trabalhadores, conseguindo assim aumentar seu lucro à custa da sociedade.
 
O que mais impressiona é que tudo isso acontece enquanto o movimento sindical continua inerte, sem se articular para reagir. Há uma articulação para a greve para o dia 28, mas isso tem sido difundido pelas redes sociais, de cidadão para cidadão, o movimento não tem tomado à frente da organização do movimento.
 
As lideranças sindicais têm que investir sua energia nisso, trazer o trabalhador para esse movimento, fazer a sociedade entender os riscos que envolvem os vários golpes que estão se desenvolvendo com a maquiagem de reformas trabalhista e previdenciária.
 
Também não se pode aceitar que as lideranças comprometidas com as pautas trabalhistas se escondam nesse momento. Os deputados e senadores devem atuar de forma dura e crítica com essas reformas. Não se pode ficar de braços cruzados enquanto o rolo compressor do governo continua passando.
 
Outra coisa é definir o lado de se lutar. Neste caso, chama atenção o papel de Eliezer Tavares, aliado da corrente de João Coser no PT capixaba, que defende a permanência do partido em um governo que não tem compromisso algum com o trabalhador. Uma verdadeira afronta à pauta trabalhista. É hora de mudar e não de fazer de conta.
 
Que venha a greve geral

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Namoro firme

Deputado federal Marcus Vicente não resiste aos assédios de Hartung para incluir o PP no arco de alianças de 2018

OPINIÃO
Editorial
A Vitória que Luciano não conhece
Prefeitura se omitiu do processo de desocupação do IAPI porque o prefeito não reconhece a “Vitória feia” como parte da cidade
Renata Oliveira
Vulnerabilidade de Hartung
Em outros tempos, Gilson Daniel estaria no caderninho de personas non gratas do governador, mas hoje ele se torna um aliado da noite pro dia
JR Mignone
O repórter e a polícia
A vítima não foi repórter, foi a professora
Geraldo Hasse
O 'pacto social' goela abaixo
As mudanças na legislação trabalhistas abrem a porteira para o caos na economia
BLOGS
Blog do Phil

Phil Palma

Um homem nu.
Flânerie

Manuela Neves

Sizino, o pioneiro
Panorama Atual

Roberto Junquilho

O cinismo explícito e a esperança de fora Temer renovada
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

O presente
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Falta de diálogo com a tropa aumenta tensão com o Comando da PM

Servidores denunciam crime ambiental dentro do Iema

Namoro firme

Secretário-geral do PSB, Casagrande segue distante da crise da nacional do partido

Anunciada em março, repactuação de contrato da ECO-101 diz a que veio