Seculo

 

São Mateus tem situação de emergência devido à estiagem reconhecida pelo governo federal


20/04/2017 às 16:37
A Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, do Ministério da Integração Nacional reconheceu a situação de emergência do município de São Mateus, no norte do Estado, em virtude da estiagem. Além do município capixaba, outros quatro das regiões norte e centro-oeste também tiveram emergência reconhecida, mas em função de eventos chuvosos.

Além de São Mateus, tiveram situação de emergência reconhecida os municípios de Canutama, no Amazonas e Medicilândia, no Pará, que sofreram com inundações e alagamentos; e Coronel Sapucaia, no Mato Grosso do Sul e Terra Nova do Norte, vítimas de chuvas intensas.

O reconhecimento federal tem vigência de 180 dias e os municípios com decreto reconhecido passam a ter acesso a apoio federal para ações de socorro, assistência à população e recuperação de danos causados por desastres naturais.

Para ter acesso a recursos materiais e financeiros de auxílio emergencial, os municípios devem apresentar um relatório com o diagnóstico dos danos e o Plano Detalhado de Resposta (PDR), por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID). Após a análise técnica por equipes da Defesa Civil Nacional, o Ministério define o valor do recurso a ser disponibilizado.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Facebook
Sem freio

Palestras, CPI, ''showmícios'' e até lançamento de disco. Quem para o casal Magno Malta e Lauriete?

OPINIÃO
Editorial
A Ponte da Discórdia
Terceira Ponte entra novamente no centro dos debates políticos em ano eleitoral. Enquanto isso, a Rodosol continua rindo à toa...
Piero Ruschi
O Governo do ES e seu amor antigo ao desamparo ambiental
Mais um ''Dia Mundial do Meio Ambiente'' se passou. Foi um dia de ''comemoração'' (política)
Gustavo Bastos
Conto surrealista
''virei pasta para entrar mais fácil na pintura de Dalí''
Eliza Bartolozzi Ferreira
A raposa cuidando do galinheiro
Na lógica do custo-benefício, governo Hartung entende que deve ofertar um ensino pasteurizado, de baixo custo e restrito a quem podem estudar em período integral
JR Mignone
A cobertura da Copa
No mês que antecedeu a Copa e no mês do desenrolar da competição, a Globo abusou da cobertura a ponto de cansar até o telespectador que gosta de esportes
Roberto Junquilho
A carne mais barata
A população de pessoas em situação de rua aumenta, como sinal de falência da gestão pública
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Entre a salada e o vinho
MAIS LIDAS

Hartung recebe alertas sobre gastos, publicidade e execução de programas em ano eleitoral

Ministério Público acusa superintendente do Ibama/ES de improbidade administrativa

Conto surrealista

Comunidade reforça que base da PM deve ser instalada na parte alta do Morro da Piedade

Sem freio