Seculo


  • Lava Jato no ES

 

Diretoria descumpre acordo de elaboração participativa da estruturação do Iema


20/04/2017 às 16:47
Em assembleia marcada para a próxima terça-feira (25), os servidores do Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema) decidirão quais os próximos passos da luta pela estruturação da autarquia, que já esteve ameaçada pelo governo estadual de ser extinta, tendo seu quadro de pessoal e funções absorvidas pela secretaria estadual à qual está vinculada, a Seama.

A ação é uma resposta à apresentação, na véspera do feriado da Páscoa, de uma proposta unilateral, elaborada sem qualquer participação dos servidores e dando prazo de apenas um dia útil para que os mesmos enviassem suas "contribuições".

A medida contraria absolutamente o acordo selado no último dia quatro de abril, entre a associação da categoria (Assiema), o Sindicato dos Trabalhadores e Servidores Públicos do Espírito Santo (Sindipúblicos), a diretora-presidenta do Iema, Andreia Carvalho, e o secretário de Governo, Paulo Roberto.

No acordo, uma das determinações foi a criação de uma comissão paritária que seria responsável pela construção participativa da proposta de estruturação do órgão. “Observamos q a direção do Iema não dialoga, mesmo acordando isso com a diretoria e o secretário de Governo”, afirma o diretor jurídico do Sindipúblicos, Amarildo Batista.

Em comunicado público, os servidores anunciam que, sendo eles os reais conhecedores das deficiências e necessidades do Iema, darão continuidade aos trabalhos da Comissão de estruturação e “apontarão de forma embasada e com tempo hábil as melhorias necessárias ao Iema, com construção de forma participativa”.

A tentativa de extinção do Iema foi anunciada no final de fevereiro e, na avaliação dos servidores, com objetivo de politizar e afrouxar os licenciamentos e fiscalizações ambientais no Estado.

Após um mês de assembleias, manifestações públicas, ofícios, pronunciamentos e reportagens, inclusive sobre as irregularidades graves cometidas pela alta gestão do Iema e da Seama, o governo anunciou suspender o projeto de lei de extinção da autarquia e criar uma comissão paritária para elaboração da proposta de sua estruturação. 

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Problemas em série

A maré não está nada boa, mesmo, para a deputada estadual Raquel Lessa....

OPINIÃO
Editorial
A saúde está doente
Campanha do Simes recomenda que médicos não trabalhem na Serra por causa da violência. E os pacientes, ficam entregues ao deus-dará?
Renata Oliveira
Vai no bolo
As lideranças políticas capixabas devem ficar atentas para não serem atropeladas pelo rolo compressor da indignação
Lídia Caldas
A importância dos probióticos e prebióticos
Se você não se preocupar com isso estará dando passos largos para engrossar as estatísticas de doenças de causas evitáveis
Geraldo Hasse
É preciso equalizar o bem-estar
A crise do capitalismo pode ser resolvida mediante a adoção de um programa comunista de governo
BLOGS
Blog do Phil

Phil Palma

Um homem nu.
Flânerie

Manuela Neves

Nenna – parte II: early years na ilha
Panorama Atual

Roberto Junquilho

A Odebrecht quebrou a "Omertá", e agora?
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

A sombra
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Juiz determina bloqueio dos bens do ex-prefeito de Castelo

Problemas em série

Paulo Ruy Carnelli vai, afinal, explicar por que enterrou o Aquaviário?

Hartung sanciona lei de doações de bens móveis para municípios

Estratégia política palaciana pode favorecer deputados do interior