Seculo


  • Lava Jato no ES

 

Diversidade cultural é destaque em mostra de curtas-metragens em São Mateus


15/05/2017 às 15:33
Grande janela das produções audiovisuais do norte do Estado, a Mostra de Curtas Araçá inicia sua quinta edição nesta terça-feira (16), no município de São Mateus. O evento vai até o próximo sábado (20), trazendo como eixo temático a diversidade cultural.  Serão exibidos 28 curtas-metragens que retratam a diversidade das manifestações artísticas presentes em vários estados (danças, histórias, coletivas artísticas e patrimônio imaterial), abrangendo conteúdos para todos os públicos, crianças, adolescentes e adultos.

O evento é realizado por um coletivo de jovens egressos do Núcleo de Produção Audiovisual Araçá, organização não-governamental (ONG) que há 22 anos forma profissionais da área de Comunicação Social e de atividades sócio-culturais em São Mateus. O projeto conta com recursos do Fundo Estadual de Cultura (Funcultura), da Secretaria de Estado da Cultura (Secult).

A entrada é franca, mas as sessões serão pré-agendadas para melhor atender aos interessados, pois haverá limite de pessoas por sessão. Mais informações pelos telefones (27)3763-5309 e (27) 99968772.

Confira a programação da 5ª Mostra de Curtas Araçá.
 
Terça-feira (16)
Local: Salão São Benedito
Horário: 19h
Exibição dos curtas:
- A Casa Conectada, Giulia Prates e Joel Souza, 22’30’’, Ficção.
- A Seta do Galo, o Terrível, Sandra C. A. C. Mazzega, 14’, Ficção.
- Burunga - O homem da mulher de pau, Oscar Ferreira, 16’20’’, Ficção.
- Barbante, Daniel Couto, 19'55’’, Drama.
- Elias Wagner, Adriano Barbosa, 8’, Documentário.
Debate
Tema:
“Mostra de Vídeos” - Canal democrático de difusão, circulação e formação de
espectadores em cinema.
Mediador:
Adriano Barbosa
Oscar Ferreira – Dramaturgo, consultor cultural, roteirista e diretor. Formado em
Artes Cênica pela Martins Pena/RJ. Roteirista e diretor do curta metragem
‘Burunga – o homem da mulher de pau, vencedor do prêmio de curta ficção do
Funcultura 2016. Como secretário de Cultura do município de Nova Venécia,
organizou a segunda Mostra Etnográfica junto com a Rede Cultura Jovem.
Luciano Guimarães – Cineclubista, realizador audiovisual e produtor cultural.
Dirigiu o filme “Vida Saudosas Lembranças”; produção; Desenvolve projetos de
interiorização e difusão do cineclubismo no Espírito Santo, estando em 2017
como Produtor Executivo dos Seminários Regionais de Formação Cineclubista
do norte e noroeste do ES.
Quarta-feira (17)
Exibição dos curtas
Local : Salão São Benedito
Horário: 8h às 9h
- Parque Pesadelo, Aly Muritiba, Francisco Gusso e Pedro Giongo, 13’30’’,
Animação.
- Lá do Alto, Luciano Vidigal, 8’37’’, Ficção.
- Hora do Lanchêêê, Claudia Mattos, 14’, Documentário.
- A culpa é do Neymar, João Ademir, 11’, Comédia.
9h às 10h
- A piscina de Caíque, Raphael Gustavo da Silva, 15’, Drama.
- Mãe, acorda a vovó, Cassio Domingos, 14’, Documentário.
- Todos contra o preconceito, Genilton Santos, 5’, Ficção.
- Vovó, o trem e eu, Eloisa Ribeiro Loureiro, 12’, Ficção.
10 às 11h
- Entre o traço e a luz, Zeca Ferreira, 12’, Documentário.
- My Brother, Raphael Gustavo da Silva, 15’, Ficção.
- A piscina de Caíque, Raphael Gustavo da Silva, 15’, Drama.
14h às 15h
- Barbante, Daniel Couto, 19'55’’, Drama.
- Água, Cristiano Sousa, 2’, Educativo.
- A Bailarina, Lucas Argenta, 2’40’’, Animação.
- Casa de Estuque, Adriano Barbosa, 4’, Documentário.
- Hora do Lanchêêê, Claudia Mattos, 14’, Documentário.
15h às 16h
- A Bailarina, Lucas Argenta, 2’40’’, Animação.
- A fuga, Douglas Alves Ferreira, 10’, Animação.
- Ilha das crianças, Zeca Ferreira, 13’, Ficção.
- A piscina de Caíque, Raphael Gustavo da Silva, 15’, Drama.
16h às 17h
- Seu José, Sileno Alexandre, 15’, Documentário.
- Lá do Alto, Luciano Vidigal, 8’37’’, Ficção.
- Hora do Lanchêêê, Claudia Mattos, 14’, Documentário.
- Entre o traço e a luz, Zeca Ferreira, 12’, Documentário.
Quinta-feira (18)
Local : Salão São Benedito
Horário: 8h às 9h
- A casa mais bela da rua, Raphael Gustavo da Silva, 1’, Animação.
- Mãe, acorda a vovó, Cassio Domingos, 14’, Documentário.
- Ilha das crianças, Zeca Ferreira, 13’, Ficção.
- Barbante, Daniel Couto, 19'55’’, Drama.
9h às 10h
- A Bailarina, Lucas Argenta, 2’40’’, Animação.
- A fuga, Douglas Alves Ferreira, 10’, Animação.
- Vovó, o trem e eu, Eloisa Ribeiro Loureiro, 12’, Ficção.
- Burunga - O homem da mulher de pau, Oscar Ferreira, 16’20’’, Ficção.
10 às 11h
- Elias Wagner, Adriano Barbosa, 8’, Documentário.
- Água, Cristiano Sousa, 2’, Educativo.
- Mãe, acorda a vovó, Cassio Domingos, 14
- A Seta do Galo, o Terrível, Sandra C. A. C. Mazzega, 14’, Ficção.
- A Bailarina, Lucas Argenta, 2’40’’, Animação.
14h às 15h
- Lá do Alto, Luciano Vidigal, 8’37’’, Ficção.
- Ilha das crianças, Zeca Ferreira, 13’, Ficção.
- A fuga, Douglas Alves Ferreira, 10’, Animação.
- A culpa é do Neymar, João Ademir, 11’, Comédia.
- Água, Cristiano Sousa, 2’, Educativo.
15h às 16h
- Vovó, o trem e eu, Eloisa Ribeiro Loureiro, 12’, Ficção.
- Burunga - O homem da mulher de pau, Oscar Ferreira, 16’20’’, Ficção.
- Hora do Lanchêêê, Claudia Mattos, 14’, Documentário.
- A culpa é do Neymar, João Ademir, 11’, Comédia.
- Todos contra o preconceito, Genilton Santos, 5’, Ficção.
16h às 17h
- A Casa Conectada, Giulia Prates e Joel Souza, 22’30’’, Ficção.
- Artistas, Ari Santos, Adson Queiroz, Abelly Cristyne e Daniel Soares, 17’57’’,
Documentário.
- A fuga, Douglas Alves Ferreira, 10’, Animação.
- Água, Cristiano Sousa, 2’, Educativo.
Sexta-feira (19)
Local : Salão São Benedito
Horário: 8h às 9h
- Parque Pesadelo, Aly Muritiba, Francisco Gusso e Pedro Giongo, 13’30’’,
Animação.
- Lá do Alto, Luciano Vidigal, 8’37’’, Ficção.
- Hora do Lanchêêê, Claudia Mattos, 14’, Documentário.
- A culpa é do Neymar, João Ademir, 11’, Comédia.
9h às 10h
- A piscina de Caíque, Raphael Gustavo da Silva, 15’, Drama.
- A casa mais bela da rua, Raphael Gustavo da Silva, 1’, Animação.
- Mãe, acorda a vovó, Cassio Domingos, 14’, Documentário.
- Ilha das crianças, Zeca Ferreira, 13’, Ficção.
- Água, Cristiano Sousa, 2’, Educativo.
10 às 11h
- Barbante, Daniel Couto, 19'55’’, Drama.
- Família Tropa Trupe – O Circo Enquanto Vida, Babi Baracho e Diana Coelho,
16’, Documentário.
- Água, Cristiano Sousa, 2’, Educativo.
- A fuga, Douglas Alves Ferreira, 10’, Animação.
14h às 15h
- Burunga - O homem da mulher de pau, Oscar Ferreira, 16’20’’, Ficção.
- Ilha das crianças, Zeca Ferreira, 13’, Ficção.
- A casa mais bela da rua, Raphael Gustavo da Silva, 1’, Animação.
- Mãe, acorda a vovó, Cassio Domingos, 14’, Documentário.
15h às 16h
- Hora do Lanchêêê, Claudia Mattos, 14’, Documentário.
- Vovó, o trem e eu, Eloisa Ribeiro Loureiro, 12’, Ficção.
- Lá do Alto, Luciano Vidigal, 8’37’’, Ficção.
- A piscina de Caíque, Raphael Gustavo da Silva, 15’, Drama.
16h às 17h
- Elias Wagner, Adriano Barbosa, 8’, Documentário.
- Parque Pesadelo, Aly Muritiba, Francisco Gusso e Pedro Giongo, 13’30’’,
Animação.
- A casa mais bela da rua, Raphael Gustavo da Silva, 1’, Animação.
- Ilha das crianças, Zeca Ferreira, 13’, Ficção.
Debate
Local : Salão São Benedito
19h
Exibição dos curtas:
-Raízes da Africanidade, Lindamar Alves, 12’, Documentário.
- Mademoiselle do Rap, Raphael Gustavo da Silva, 17’57’’, Documentário.
- Família Tropa Trupe – O Circo Enquanto Vida, Babi Baracho e Diana Coelho,
- Artistas, Ari Santos, Adson Queiroz, Abelly Cristyne e Daniel Soares, 17’57’’.
Documentário
Palestra com o tema
“Cinema e Neocolonialismo”
Adama Ouedraogo - Doutor em Cinema, pela Escola Superior de Audio-VisualUniversidade
de Toulouse, ESAV, França. Mestrado em Etudos audiovisuais
pela Universdade de Toulouse, França. Participou em diversos festivais
internacionais sobre cinema, como palestrante, em bancas e crítico de Cinema.
Produtor Audiovisual. E atualmente professor de Cinema na Universidade
Federal do Espírito Santo (UFES).
Sábado (20)
Local : Salão São Benedito
Horário: 14h às 15h
- A Casa Conectada, Giulia Prates e Joel Souza, 22’30’’, Ficção.
- Entre o traço e a luz, Zeca Ferreira, 12’, Documentário.
- Elias Wagner, Adriano Barbosa, 8’, Documentário.
- Água, Cristiano Sousa, 2’, Educativo.
15h às 16h
- Burunga - O homem da mulher de pau, Oscar Ferreira, 16’20’’, Ficção.
- A Bailarina, Lucas Argenta, 2’40’’, Animação.
- A Seta do Galo, o Terrível, Sandra C. A. C. Mazzega, 14’, Ficção.
- Mademoiselle do Rap, Raphael Gustavo da Silva, 17’57’’, Documentário.
- Água, Cristiano Sousa, 2’, Educativo.
16h às 17h
- Até que a última luz se apague, Arnaldo Barreto, 15’, Drama.
- My Brother, Raphael Gustavo da Silva, 15’, Ficção.
- Artistas, Ari Santos, Adson Queiroz, Abelly Cristyne e Daniel Soares, 17’57’’,
Documentário.
- Água, Cristiano Sousa, 2’, Educativo.
 
Informações: telefones (27)3763-5309/999687726 (Adriano)

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Problemas em série

A maré não está nada boa, mesmo, para a deputada estadual Raquel Lessa....

OPINIÃO
Editorial
A saúde está doente
Campanha do Simes recomenda que médicos não trabalhem na Serra por causa da violência. E os pacientes, ficam entregues ao deus-dará?
Renata Oliveira
Vai no bolo
As lideranças políticas capixabas devem ficar atentas para não serem atropeladas pelo rolo compressor da indignação
Lídia Caldas
A importância dos probióticos e prebióticos
Se você não se preocupar com isso estará dando passos largos para engrossar as estatísticas de doenças de causas evitáveis
Geraldo Hasse
É preciso equalizar o bem-estar
A crise do capitalismo pode ser resolvida mediante a adoção de um programa comunista de governo
BLOGS
Blog do Phil

Phil Palma

Um homem nu.
Flânerie

Manuela Neves

Nenna – parte II: early years na ilha
Panorama Atual

Roberto Junquilho

A Odebrecht quebrou a "Omertá", e agora?
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

A sombra
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Juiz determina bloqueio dos bens do ex-prefeito de Castelo

Problemas em série

Acampamento Fidel Castro: famílias mobilizadas para evitar nova ação de reintegração de posse

Moradores de Conceição da Barra debatem segurança pública com operadores de segurança

Donos da Telexfree se tornam réus em ação penal por lavagem de dinheiro