Seculo

 

Últimos a saber


19/06/2017 às 19:02
A visita inesperada ao Estado do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para conversas com o governador Paulo Hartung (PMDB) em plena sexta-feira (16) espremida de Feriadão, ainda repercute no mercado político. Não pela pauta do encontro divulgada pelo governo do Estado  - reformas e crise socioeconômica do País -, porque todo mundo sabe que o papo não parou por aí. Mas pelas companhias, escolhidas a dedo por Hartung. Tirando o momento privado de Maia com o governador, que certamente aconteceu, quem apareceu bem na foto foram o presidente e o diretor-geral da Assembleia Legislativa, Erick Musso (PMDB) e Roberto Carneiro, respectivamente, e os secretários José Carlos da Fonseca Júnior (Casa Civil) e Octaciano Neto (Agricultura), além do subsecretário da Casa Civil, Giuliano Nader. Só a seara de Hartung, com nomes integrados ao projeto eleitoral palaciano. O resultado não poderia ser outro. Tanto a “surpresa” da visita como as escolhas geraram insatisfação nos bastidores. O que dizem é que a bancada federal sequer ficou sabendo, quem dirá foi convidada. Seria o natural, considerando a própria pauta vendida oficialmente, já que as reformas tramitam no Congresso Nacional. Mesma coisa a Executiva Estadual do DEM, partido de Maia: foi excluída, assim como suas principais lideranças, que sequer souberam antecipadamente da visita. Quanto mistério, hein... 
Passe disputado
Por falar em Erick, aumentou para ele as possibilidades partidárias até a abertura da janela, em março de 2018. Depois do PRB, do ex-vereador Devanir Ferreira, o presidente da Assembleia recebeu propostas do PTdoB/Avante e, mais recentemente, do DEM. 
Passe disputado II
Nos partidos menores, tapete vermelho. No DEM, nem bem o namoro começou, já há resistências. Que o diga o casal Theodorico Ferraço e Norma Ayub.
Voo novo
Deputada estadual em quarto mandato, que já foi senadora (vaga aberta após a eleição ao governo de José Ignácio Ferreira), vereadora e vice-prefeita da Capital, Luzia Toledo (PMDB) deve buscar novo cenário na disputa de 2018. Será candidata à Câmara dos Deputados.
Esforços
Mais uma reunião, nessa segunda-feira (19), debateu a possibilidade de privatização de todo o porto de Vitória, como defende o governo federal. Há, porém, resistências que seriam da própria Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa), estatal que administra os portos de Vitória e de Barra do Riacho, em Aracruz (norte do Estado) - por lá, o assunto é o mesmo em relação ao Portocel, que já tem participação privada da Aracruz Celulose (Fibria) e Cenibra.
Esforços II
Não se sabe muito bem quem estava presente, mas o debate atual coincide com o evento realizado no Hotel Sheraton, em Vitória, envolvendo uma parte pra lá de interessada: o setor empresarial, leia-se ONG ES em Ação e Líderes do Amanhã. Aquela mesma coisa, a pauta eram as reformas, mas...
Presenças
A bancada capixaba estava lá. Convidados dos empresários: o coordenador da bancada, Marcus Vicente (PP), a senadora Rose de Freitas (PMDB) e o senador Ricardo Ferraço (PSDB), e os deputados federais Lelo Coimbra (PMDB), Givaldo Vieira (PT), Paulo Foletto (PSB) e Jorge Silva (Pros).

Novela
Passa dia, entra dia, e o PT não larga o osso dos cargos no governo do Estado. Agora vai, mesmo, ou é para a militância continuar esperando sentada? Casamento difícil de terminar, viu?!
Reformulação
O Tribunal de Contas do Estado lançou seu novo Portal da Transparência e a impressão inicial é de que melhorou bem. Obrigação básica do poder público: facilitar o acesso a esses dados pela sociedade. 
140 toques
“Mais uma semana iniciando e a crise política vai se aprofundando. O presidente Temer perde cada vez mais as condições de governar o país”. (Ex-governador Renato Casagrande – PSB – no Twitter).
PENSAMENTO:
“Se começássemos a dizer claramente que a democracia é uma piada, um engano, uma fachada, uma falácia e uma mentira, talvez pudéssemos nos entender melhor”. José Saramago

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Declaração de guerra

Luciano Rezende inflou tanto a candidatura de Denninho, para se livrar da única oposição que sofria na Câmara, que acabou arrumando um problemão dentro de casa

OPINIÃO
Editorial
Operação seletiva
Mandado de busca coletivo cumprido nesta quinta (17) em Jesus de Nazareth viola Estado Democrático de Direito
Renata Oliveira
Estilhaços da bomba
O programa do PSDB Nacional foi demolidor e serve bem ao discurso palaciano para o processo eleitoral de 2018
Geraldo Hasse
Pedalando rumo ao Norte
Até quando os brasileiros se deixarão governar por quem não os representa?
BLOGS
Blog do Phil

Phil Palma

Um homem nu.
Flânerie

Manuela Neves

Sizino, o pioneiro
Panorama Atual

Roberto Junquilho

A Força Nacional e o marketing de uma falsa segurança
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

A árvore da via
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Tribunal condena promotor que alterou depoimento de testemunha em caso de ‘rachid’

Polícia Federal investiga superfaturamento de contrato em Cariacica

Universitários guaranis realizam encontro sobre saúde e saberes tradicionais

Declaração de guerra

Ex-prefeitos de São Gabriel da Palha viram réus em ação de improbidade