Seculo

 

Re Henri abre exposição resultado de pesquisa nos campos da arte e psicanálise


28/06/2017 às 17:14
A exposição O Véu do Real é a primeira individual de Re Henri. Nela, a artista apresentará o resultado de sua pesquisa nos campos da arte e psicanálise em uma grande instalação que ocupará a Galeria Homero Massena, na Cidade Alta, Vitória. O projeto foi contemplado pelo Edital 015- Exposições na Galeria Homero Massena, da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), e será aberto ao público no dia 11 de julho, às 19h.

Durante sete meses de pesquisa, a artista adquiriu uma série de objetos em mercados de pulga, ferros-velhos e feiras de antiguidades. Com base nesses achados, construiu objetos híbridos compostos por espelhos, lupas, pinças, acrílicos e fotografias antigas.

A quantidade espantosa de retratos antigos disponíveis para venda em mercados populares ou descartados no lixo nos colocam, segundo a artista, frente ao paradigma da imagem, uma vez que as fotografias costumam ser abandonadas quando a impermanência do objeto fotografado entra em conflito com a permanência da imagem fotografada. Refletindo sobre a materialidade da imagem e também sobre as camadas de realidade impregnadas em registros fotográficos, a artista propõe uma instalação que se conforma como um grande laboratório de pesquisa sobre o real.

Uma publicação com textos e fotografias será lançado em agosto com o resultado do processo de pesquisa. 

A programação também prevê encontros com a artista e oficinas. A curadoria é de Clara Sampaio e o projeto educativo de Carla Borba.

Serviço
 
Exposição O véu do real
Re Henri
De 11 de julho a 7 de outubro 
Local Galeria Homero Massena, Rua Pedro Palácios, 99, Cidade Alta, Vitória - ES
Horário de funcionamento: segunda-feira a sexta-feira das 9h às 18h
Sábado (exceto em feriados) 13h às 18h

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Quem dá mais?

Enquanto o mercado político se divide cada vez mais entre o bloco palaciano e o puxado por Casagrande, Audifax segue com acenos para o lado que mais convém

OPINIÃO
Editorial
Castigada seja a hipocrisia!
Ideal, mesmo, seria ver tamanha indignação dos deputados estaduais no debate sobre nudez artística em casos reais de atentado à paciência da sociedade
Geraldo Hasse
Manobras perigosas
Os empresários, que surfaram na onda de Lula, estão assustados com a pororoca de Temer
JR Mignone
Banalização
O carnaval fez com que se desse uma trégua nas informações sobre política no Brasil
Roberto Junquilho
Hora do plano B
Os planos de Hartung e Colnago retornam à estaca zero com a saída de Luiz Paulo do PSDB
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

A arte de pilotar motocicletas – ou com Chico na garupa
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Yes, nós também!
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Castigada seja a hipocrisia!

Hora do plano B

Ricardo Ferraço ensaia chapa casada ao Senado com Amaro Neto

Quem dá mais?

Estudantes reagem contra manutenção do reajuste na passagem de ônibus