Seculo

 

Guarda de trânsito de Vitória não perdoa nem tradicional feirante do Barro Vermelho


09/07/2017 às 19:47
Em ação na manhã desse sábado (8) na área da feira orgânica do Barro Vermelho, em Vitória, a Guarda de Trânsito da Prefeitura de Vitória não perdoou nem um dos mais tradicionais feirantes do local. A bordo de uma picape, Miqueias Fernandes vende abacaxi pérola há mais 10 anos na esquina das ruas Dr. João Carlos de Souza e Arlindo Braz do Nascimento e foi multado pela primeira vez no local em que sempre estaciona.
“Estou aqui há mais de 10 anos. Nunca ninguém disse nada comigo”, lamentava “seu” Miqueias, como é conhecido. Era cerca de 10h30 quando uma agente de trânsito colocou o auto de infração no para-brisa do veículo. A justificativa registrada é de estacionamento sobre a área de um ponto de ônibus. 
 
Efetivamente o veículo estava estacionado sobre o local. Mas qualquer tradicional frequentador da feira orgânica mais antiga do Espírito Santo, que tem 15 anos, sabe que a Ford Pampa de seu Miqueias é elemento natural daquela paisagem nas manhãs de sábado. Isso explica por que, mesmo estacionando sobre área de estacionamento, Miqueias nunca foi alvo de fiscalização.
 
Os agentes também autuaram outros veículos parados em local proibido, a maioria de frequentadores da feira. Miqueias trabalhava. Quando a guarda já estava longe, só sobrou ele, sozinho, o braço apoiado no poste de sinalização, mirando o nada, remoendo uma injustiça.
 
A conduta da Guarda de Trânsito da Prefeitura de Vitória será objeto de apuração nesta segunda-feira (10) na CPI da Máfia dos Guinchos, na Assembleia Legislativa. Os deputados receberam denúncias de que os agentes estão aplicando multas nas áreas de estacionamento rotativo, administradas, via concessão, por empresa privada. Para os deputados, é como se a guarda estivesse a serviço da concessionária. 
 
Foram convocados o secretário municipal de Segurança Urbana, Fronzio Calheiro Mota, o subsecretário Luiz Roberto Ramalhete e o subsecretário da Guarda Civil Municipal, Edvandro Sipolatti Esguersoni.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

De demolidor a demolido

Até outro dia, o MDB era o partido mais importante do Estado, mas entrou em agonia com a interferência de PH

OPINIÃO
Piero Ruschi
O Governo do ES e seu amor antigo ao desamparo ambiental
Mais um ''Dia Mundial do Meio Ambiente'' se passou. Foi um dia de ''comemoração'' (política)
Bruno Toledo
Estado sem PIEDADE!
As tragédias que se sucedem no Morro da Piedade sintetizam as contradições mais evidentes e brutais do modelo de sociedade e de Estado que estamos mergulhados
Geraldo Hasse
Mundo velho sem catraca
Cinquenta anos depois, é possível fazer um curso técnico por correspondência via internet
Roberto Junquilho
Hartung, o suspense
O governador Paulo Hartung mantém o suspense e pode até não disputar a reeleição em 2018
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Uma revoada de colibris
MAIS LIDAS

Visita de interlocutores de Hartung a Rodrigo Maia sinaliza mudança de cenário

Contrato do governo do Estado com a Cetesb sobre poluição do ar continua sigiloso

Juiz Leopoldo mais próximo de ir a Júri Popular por assassinato de Alexandre Martins

LDO será votada na próxima segunda-feira na Assembleia

Hartung, o suspense