Seculo

 

TCE aponta irregularidades nas contas do ex-presidente da Câmara de Pedro Canário


12/07/2017 às 17:42
O ex-presidente da Câmara Municipal de Pedro Canário, Ernaldo Francisco Gonçalves, teve as contas referentes ao exercício de 2010, julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-ES). A corte de contas determinou a aplicação de multa pecuniária individual no valor de 1.000 VRTE (cerca de R$ 3.180). Uma das irregularidades apontadas pela área técnica e mantida pelo relator, conselheiro Sérgio Borges, refere-se à cessão irregular de servidores.
 
Os auditores constataram que a Câmara firmou convênio de cooperação com a Prefeitura de Pedro Canário com a finalidade de cessão mútua de servidores. A Câmara colocou, sem ônus para a entidade cedente, duas servidoras à disposição do Executivo, mas que continuaram constando na folha de pagamento do Legislativo municipal. 
 
As servidoras cedidas, segundo o TCE, não estavam trabalhando na prefeitura e, sim, no fórum local. Também restou constatado a ausência de amparo legal para as cessões. O relator manteve a irregularidade, porém, acompanhou o MPC votando pelo afastamento do ressarcimento.
 
Outras irregularidades mantidas pelo relator foram: fixação de vencimentos dos servidores da Câmara de Pedro Canário por Resolução, divergência entre os valores dos créditos orçamentários e suplementares (diferença entre a despesa fixada e a realizada que evidencia realização de despesa não autorizada por lei), e divergência na composição da conta Imóvel e da Conta Ativa Real Líquida.
 
O conselheiro decidiu por afastar a irregularidade referente à ausência de concurso público e desempenho irregular das funções próprias da advocacia pública, com determinação para realização de concurso público para provimento da vaga de procurador jurídico, caso ainda não tenha sido feito, dentre outras determinações, sendo acompanhado, à unanimidade, pelo colegiado.
 
Ernaldo Francisco Gonçalves disputou as eleições de 2016 como vice-prefeito de Dominguinhos. A disputa foi vencida por Bruno Cinco Estrelas (PSDB).

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Mesmo barco

Se Majeski deixar o PSDB e decidir por uma candidatura majoritária, primeiro tucano a revoar atrás será Luiz Paulo Vellozo Lucas

OPINIÃO
Piero Ruschi
Perseguição à honra de Ruschi
Infelizmente, de nada valeram meus 14 anos de contribuição mediante a minha postura de defender o Museu Mello Leitão, criado por meu pai
Renata Oliveira
Só espuma
Os pretensos vices-presidentes Paulo Hartung e Magno Malta se mostram ao mercado, mas só terão seus encaixes em 2018
Gustavo Bastos
A adolescência e o mal
Crianças doces podem se tornar verdadeiros celerados na adolescência
JR Mignone
Rádio bandeira
A trajetória deste segmento de rádio em capitais é grande
Caetano Roque
Agora é tarde
Não adianta a bancada fazer discurso a favor do trabalhador se ela votou quase à unanimidade a favor do impeachment
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

Quem me ensinou a nadar
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Fuga do Paraíso
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Mesmo barco

MPES quer fim do uso de comissionados na segurança da Assembleia

Governador do Ceará teve mais para mostrar nos Estados Unidos do que Hartung

Cinco prefeituras têm 60 dias para regularizar portais da transparência

Arquivada denúncia de irregularidades na compra de software pelo IPAJM