Seculo

 

Pacientes lotam emergência do Hospital Antônio Bezerra de Farias


05/09/2017 às 16:28
A superlotação do Hospital Estadual Antônio Bezerra de Farias, em Vila Velha tem se tornado uma rotina cruel para pacientes e servidores. A unidade, além de precarizada, está constantemente com os corredores lotados de pacientes e em falta de medicamentos e ambulâncias.



Nesta segunda-feira (4), conforme denúncia do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado (Sindsaúde-ES), havia 12 pacientes no setor de Emergência do hospital, sendo este o dobro da capacidade. A situação piora diante do fato de seis dos pacientes usarem respiradores artificiais, quando a capacidade seria para quatro.

Com a superlotação da rede de oxigênio, o sistema cai colocando em risco a vida de entubados, que podem ficar sem respiração artificial.

Os problemas no hospital são crônicos e constantes. No mês de agosto, um apagão expôs o problema do gerador da unidade, que não funcionou deixando o hospital às escuras e parando o funcionamento de alguns aparelhos. A sorte é que não havia nenhum procedimento cirúrgico no momento do apagão e que os equipamentos respiradores têm bateria própria.

Seis meses antes, outro apagão havia exposto o problema no gerador e o Sindsaúde procurou os servidores do setor de manutenção que informaram que a peça quebrada custava apenas R$ 100 e que a direção estava ciente. No entanto, o apagão ocorrido em agosto levou a crer que o problema não havia sido resolvido.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Tabuleiro de 2018

Ele já negou intenção de deixar o PT ou mudanças de planos, mas movimentações de Givaldo continuam chamando atenção do mercado político

OPINIÃO
Editorial
Fosso social
No Espírito Santo, população negra é mais vulnerável à violência, é maioria no sistema carcerário e nas filas de desempregados
Renata Oliveira
Solidão sem fim
A oposição de Majeski na Assembleia não encontra coro entre os pares, nem no grupo arredio
JR Mignone
Rádio bandeira
A trajetória deste segmento de rádio em capitais é grande
Caetano Roque
A força da CUT
É hora de a Central assumir sua função de agregadora dos trabalhadores e das bandeiras de luta
Geraldo Hasse
Os golpes se sucedem
Em plena era do GPS, a reforma trabalhista sugere multiplicar os ''chapas''
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

Quem me ensinou a nadar
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Fuga do Paraíso
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

'Orgânico não tem que ser caro'

Tabuleiro de 2018

Conselheiro José Antônio Pimentel vira réu em ação penal por corrupção

Eleição da nacional alimenta divisão no PSDB capixaba

Cariacica pode ter redistribuição de votos para disputa eleitoral de 2018