Seculo

 

ANTT vai cobrar estudos da ECO 101 para readequação do contrato


06/09/2017 às 15:23
Em reunião nessa terça-feira (5), a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) informou à Comissão Externa de Fiscalização da BR-101 da Câmara dos Deputados que vai cobrar da ECO 101 estudos para a readequação do contrato de concessão. A empresa anunciou, em julho, que desistiria das obras de duplicação da rodovia e, junto, apresentou um plano de revisão do contrato. 
 
A agência informou, ainda, que rejeitou um primeiro estudo apresentado pela empresa por considerá-lo insuficiente quanto ao planejamento na escala de tempo e às informações de pedágio. A agência aguarda uma proposta da ECO 101 considerando o cumprimento de toda a duplicação e a edição da medida provisória pelo Governo Federal alargando o prazo de revisão de cronograma de obras de cinco para 14 anos.
 
As propostas de duplicação parcial e terceiras faixas, que provocaram ampla rejeição no estado, também serão consideradas. 
 
“Temos uma nova reunião com a ANTT, ainda a ser agendada, para saber se a empresa cumpriu o solicitado e conhecer a proposta mais adequada na avaliação da agência. O importante, para nós, é que o usuário não seja ainda mais prejudicado pelos aumentos de pedágio sem que as obras saiam efetivamente do papel”, destacou o coordenador da comissão, deputado federal Marcus Vicente (PP).
 
A empresa põe a culpa a crise econômica nacional e capixaba pelo atraso nas obras. Em mais de uma ocasião, representantes da ECO 101 destacaram que a estiagem de 2016, que afetou a agricultura, o fim do Fundap e a paralisação da Samarco, junto com o cenário de recessão nacional, abalaram a receita da concessionária, que registrou redução de 18% no tráfego da rodovia entre 2014 e 2016.
 
A empresa culpa também a lentidão do processo de licenciamento ambiental e problemas com desapropriações e desocupações das faixas de domínio.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Alternativas

Com a mudança no tabuleiro eleitoral do Estado, os olhares se voltam para o palanque de Casagrande e pacto com Rose. Governo, Senado...quem vai?

OPINIÃO
Editorial
Castigada seja a hipocrisia!
Ideal, mesmo, seria ver tamanha indignação dos deputados estaduais no debate sobre nudez artística em casos reais de atentado à paciência da sociedade
Geraldo Hasse
Manobras perigosas
Os empresários, que surfaram na onda de Lula, estão assustados com a pororoca de Temer
JR Mignone
Banalização
O carnaval fez com que se desse uma trégua nas informações sobre política no Brasil
Roberto Junquilho
Hora do plano B
Os planos de Hartung e Colnago retornam à estaca zero com a saída de Luiz Paulo do PSDB
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

A arte de pilotar motocicletas – ou com Chico na garupa
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Yes, nós também!
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Saída de Luiz Paulo deve provocar esvaziamento do PSDB no Estado

Operação tartaruga na educação em Linhares tem 90% de adesão

Cadeirante processa plano de saúde e laboratório por atendimento vexatório

Polícia Militar tenta calar cabos e soldados após publicações na internet

MPC pede condenação de ex-presidente da Câmara por gastos com viagem à China