Seculo

 

Estado homologa resultado de licitação para manutenção de semáforos


11/09/2017 às 13:14
O diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-ES), Enio Bergoli, oficializou, nesta segunda-feira (11), o resultado do Pregão Eletrônico nº 006/2017 para contratação dos serviços de implantação e manutenção de semáforos pelo Estado. O certame é alvo de uma disputa judicial entre empresas. De acordo com o ato publicado no Diário Oficial, a Sinales (Sinalização Espírito Santo Ltda) foi declarada vencedora depois de apresentar a melhor proposta econômica (R$ 2,05 milhões).

No início de agosto, o juízo da 5ª Vara da Fazenda Pública Estadual determinou a suspensão da licitação em decorrência de uma ação movida por uma das participantes da licitação. A empresa Rota Indústria e Comércio Ltda, que havia sido inicialmente declarada vencedora do pregão após a inabilitação das duas primeiras classificadas, questionava o ato da direção do DER que deu provimento ao recurso da Sinales. A decisão acabou sendo derrubada no final do mês pelo Tribunal de Justiça.

A razão da inabilitação da Sinales seria a falta de comprovação de uma prestação anterior do serviço e a ausência de declarações previstas no edital. No entanto, a direção do DER teria exigido que fosse realizada uma nova avaliação, evitando-se o “formalismo exagerado”. A licitação já havia sido alvo de questionamentos pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE). Com a manutenção das propostas, a Sinales voltou a ter a melhor proposta econômica. A Rota apresentou um valor de R$ 2,56 milhões pelos serviços. O edital previa o limite de até R$ 5,47 milhões. 

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
'Devoção' cega

Enquanto lideranças partidárias ecoam o ‘Volta Hartung’, o próprio lava as mãos e deixa seu exército fiel em apuros nas eleições deste ano

OPINIÃO
Piero Ruschi
O Governo do ES e seu amor antigo ao desamparo ambiental
Mais um ''Dia Mundial do Meio Ambiente'' se passou. Foi um dia de ''comemoração'' (política)
Gustavo Bastos
Carta ao inventor da música
''Mas que alma mora no sol?''
Erfen Santos
O Cidadão Ilustre
O filme suscita reflexões pertinentes sobre prêmios literários como o Nobel, que rejeitou grandes escritores
Roberto Junquilho
Tem jabuti na árvore
Por trás da conturbada escolha do candidato ao governo, há uma clara demostração de poder de Hartung
JR Mignone
A importância das eleições
Cada empresa de comunicação tem de se esmerar nas campanhas, sem partido ou cores políticas
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Último desejo
MAIS LIDAS

Ministério Público investiga suspeita de cartel em licitações da Secretaria de Agricultura

Amancio, um cantador da capoeira

'Devoção' cega

Vagas no Senado viram a grande disputa deste ano no Espírito Santo

A quadrilha democrática da Rua Sete