Seculo

 

Câmara federal volta a discutir reforma eleitoral nesta terça


11/09/2017 às 15:47
O plenário da Câmara dos Deputados volta a discutir nesta terça-feira (12) o projeto de mudança do sistema eleitoral para a disputa proporcional do próximo ano. Mas assim como na bancada federal, não há consenso para a votação, sobretudo, em relação a mudança para o chamado distritão, que põe fim às coligações. 
 
Na bancada capixaba, o tema divide opiniões. Os deputados Sérgio Vidigal (PDT) e os petistas Helder Salomão e Givaldo Vieira, do PT, são contra o distritão porque favorecem os políticos que têm mandato e tentam proteger suas vagas. Já o deputado Carlos Manato (SD), defende o sistema, lembrando que o sistema proporcional, frustra o desejo do eleitor, já que nem sempre o mais bem votado é quem fica com a cadeira.
 
Segundo a Agência Brasil, a ideia é votar o texto-base agora e deixar os destaques para sessões posteriores. Essa PEC é relatada pelo deputado Vicente Cândido (PT). A proposta de emenda à Constituição (PEC) que altera o sistema eleitoral para os cargos proporcionais, ou seja, deputados e vereadores, e cria um fundo público para financiamento das eleições. 
 
Outra proposta que trata da reforma política também está na pauta é a PEC relatada pela deputada Shéridan Oliveira (PSDB-RR), que altera regras de coligações nas eleições proporcionais e cria uma cláusula de desempenho para ter direito ao horário gratuito de rádio e televisão e para os recursos do fundo partidário. 
 
Nesse caso, o texto-base já foi aprovado em primeiro turno. É preciso, agora, a votação em segundo turno, o que pode ocorrer somente depois da análise da outra PEC, aquela relatada por Vicente Cândido. 

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Lá e cá

Enquanto Rose volta a se movimentar em Brasília, Casagrande delimita território no Estado. Cada um no seu quadrado...

OPINIÃO
Gustavo Bastos
Black Block
Pensou que a poeira iria baixar, que ele estava mascarado e ninguém iria identificá-lo. Resolveu ir ao RJ...
Geraldo Hasse
Vendilhões no comando
Os governos petistas deram mole aos Mercados, mas o MDB escancara a prática do entreguismo
Roberto Junquilho
Nem tudo o que parece é!
Investigação a Ferraço, exoneração no Iema...casos podem dar dor de cabeça aos envolvidos em ano de eleição
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

Quem me ensinou a nadar
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Admirável mundo novo
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Familiares de soldado preso fazem manifestação em frente ao comando da PM

Bancários param atividades nas agências do BB por uma hora nesta sexta-feira

Filho de Jango vem a Vitória em março e lança candidatura à Presidência

Graffiti e o não graffiti de Renato Ren

Anama expõe argumentos ineptos da ArcelorMittal para se livrar de ação na Justiça