Seculo

 

O verde latente


29/09/2017 às 16:55

Pode resultar em nada, mas algum movimento sísmico acontece em certas camadas das Forças Armadas.

Fora Bolsonaro, dão o que pensar algumas manifestações recentes de alguns generais do Exército Brasileiro sobre o momento político nacional.

Dias atrás em Porto Alegre, na abertura de um evento sobre o futuro da Amazônia, o general Edson Pujol, comandante militar do Sul, extravazou o sentimento pessoal de que o Brasil está entregando, “de forma criminosa”, seus recursos naturais a estrangeiros.

Sentimento pessoal ou da comunidade?

Denúncia ou protesto, foi uma fala dirigida a um público de nível superior e de elevado extrato de renda -- gente que poderíamos identificar como conservadores “de direita” ou simplesmente “liberais” para o bem e o mal.

Segundo Pujol, que comandou as forças de paz no Haiti e trabalhou por longos anos na Amazônia, os brasileiros precisam tomar consciência de que:

+ sem a presença do governo, as reservas indígenas e outras, de natureza simplesmente preservacionista, “favorecem a degradação”;

+ sem que o governo faça algo em contrário, “os estrangeiros roubam e degradam a Amazônia”;

+ “os ministérios se omitem ou usam sua responsabilidade para favorecer estrangeiros”

+ “a nossa legislação é permissiva e favorece a exploração predatória da Amazônia”

+ “a forma criminosa como a Amazônia está sendo entregue afeta a todos nós, inclusive aos gaúchos”.

Mais não disse nem lhe foi perguntado – e seria necessário ser mais explícito?

Presente no mesmo evento para receber uma homenagem a seu pai, o agrônomo-ecologista José Lutzenberger (1926-2012), a bióloga Lara Lutzenberger teceu alguns comentários de natureza ecológica – sem críticas diretas ao status quo, procurou apontar novos caminhos para resolver o atual impasse climático da Terra.

Lara Lutz começou lembrando que na década de 80, quando ela ainda era criança, o sábio fundador da Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural (Agapan, 46 anos) deu um depoimento (histórico, hoje) à BBC de Londres, advertindo sobre os riscos da destruição da floresta amazônica. Repetindo seu pai, ela disse: 

“A Amazônia não é o pulmão como dizem, mas um sistema gerador de ar condicionado que regula o clima de uma vasta região, espalhando umidade e calor do Caribe à América do Norte e à Europa e também ao sul do Brasil”, onde se chocam, às vezes com consequências nefastas, as correntes do calor amazônico e do frio do polo sul.

Em seguida, ela advertiu que, persistindo a exploração predatória, “estamos no limiar de um colapso inimaginável”. Por isso sugeriu mudar radicalmente o “modus operandi” das empresas madeireiras e de mineração, as maiores responsáveis pela devastação do patrimônio natural amazônico.

Assim como já se exploram alternativas energéticas (solar, eólica), a filha de Lutz recomendou a busca de “novas alternativas minerais” e “práticas agrícolas regenerativas em lugar do agronegócio”.

São medidas obrigatórias para todos os brasileiros, mas é preciso que sejam ordenadas num projeto de desenvolvimento sustentável, coisa que o atual governo não está fazendo – pelo contrário.

PERGUNTA DE PLANTÃO

Quem vai colocar freio na boca dos dragões devastadores da Amazônia?

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Apertem os cintos...

Senadora Rose de Freitas, a ‘mãe do aeroporto’, corre o risco de perder o melhor da festa para Paulo Hartung

OPINIÃO
Editorial
Disciplina X Autoritarismo
Hartung tem sido um péssimo exemplo para a tropa da PM no que diz respeito ao cumprimento das leis
Gustavo Bastos
Sobre um pesadelo
“Nos meus oito ou nove anos de idade, eu tinha obsessão pelos diferentes nomes dados ao tinhoso”
Roberto Junquilho
Gestão hi-tech
O prefeito de Vitória, como seguidor da modernidade, agora virou ator de peças publicitárias
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

A arte de pilotar motocicletas – ou com Chico na garupa
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Yes, nós também!
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Disciplina X Autoritarismo

Evangélicos se dividem em dois grupos na disputa deste ano

Sobre um pesadelo

Apertem os cintos...

Gestão hi-tech