Seculo

 

Amaro Neto diz que é o 'candidato a vice dos sonhos de Hartung'


09/10/2017 às 11:44
Em meados de agosto último, um grupo de 20 deputados estaduais anunciou um projeto político inusitado: lançou a pré-candidatura do colega Amaro Neto (SD) ao Senado. Mas toda a movimentação do grupo pode ir por água abaixo caso Amaro abandone a disputa ao Senado. 
 
Em entrevista ao jornal ES Hoje, na última sexta-feira (6), Amaro Neto admite que poderia compor chapa para a reeleição do governador Paulo Hartung (PMDB), reforçando assim o palanque do peemedebista na Grande Vitória. 
 
“Eu tenho interesse em continuar no palanque do governador, se ele concorrer à reeleição, sou o candidato a vice dos sonhos do governador, por meu trabalho e meu eleitorado na Grande Vitória, onde ele tem menos votos”, afirmou o parlamentar na entrevista. Isso colocaria um ponto de interrogação no projeto dos deputados estaduais. 
 
Com o aval do presidente do Solidariedade no Estado, deputado federal Carlos Manato, Amaro está à vontade para decidir sobre a disputa majoritária como melhor lhe convier. O deputado tem condições de negociar com o Palácio Anchieta, e sua movimentação pode acomodar as posições no palanque palaciano.
 
Uma vez disputando a vice, ele abre espaço para a acomodação dos senadores Ricardo Ferraço (PSDB) e Magno Malta (PR) na disputa pela reeleição de seus cargos no Senado. Como o atual vice-governador César Colnago teria interesse na disputa à Câmara dos Deputados, não haveria incômodo no grupo. 
 
Já na Assembleia, a movimentação prejudicaria os deputados que pretendiam fortalecer suas candidaturas à reeleição para a Casa, contando com a dobradinha com Amaro para tentar capitalizar com sua popularidade. Este seria o ponto forte para que Amaro pudesse se encaixar nessa condição de vice. Em 2014, Hartung venceu a disputa contra Renato Casagrande (PSB) com os votos do interior.
 
Na Grande Vitória, seu retrospecto não foi bom e a tendência é de que, para o próximo ano, a imagem do governador, que sofreu um grande desgaste com a crise da Polícia Militar, não se recupere. Neste ponto, Amaro pode tentar emprestar seu prestigio político na região à campanha do governador, sobretudo entre os segmentos mais populares da sociedade.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Rabiscos eleitorais

Articuladores já fazem suas contas de 2018. Entre os deputados considerados reeleitos, está quase toda bancada do PMDB, incluindo Erick Musso. Mas, antes, terá que colocar um ''bonde'' pra correr

OPINIÃO
Editorial
À oposição, o respeito!
Seja manifestando uma simples opinião ou criticando medidas do próprio legislativo ou do governo, falou em Sergio Majeski, o tiroteio é garantido
Piero Ruschi
Carta de aniversário ao papai
‘Venho lhe desejar um feliz aniversário de 102 anos, o mais feliz possível, diante de todas mazelas que atormentam o Museu que o senhor criou e o meio ambiente que tanto defendeu
Gustavo Bastos
Destino e acaso
''Quanto ao cético do acaso, ele chama destino de delírio e acaso de nada''
Geraldo Hasse
Em defesa da soberania
Manifesto combate o entreguismo, filho dileto do colonialismo neoliberal
Roberto Junquilho
Hartung e seu muro
Sem a presença da senadora Rose de Freitas, evento com lideranças do PMDB vira palanque para o governador
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

Quem me ensinou a nadar
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Quem quer dinheiro?
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Rabiscos eleitorais

Hartung reforça interesse em projeto nacional nas eleições de 2018

Greve dos auditores da Receita Federal adia início do 'Bike VV'

Manifesto denuncia ameaças a lideranças mobilizadas contra agrotóxicos em Boa Esperança

Fundação Renova é multada e Samarco/Vale-BHP vira alvo de mais uma ação civil pública