Seculo

 

Movimentação de Rose com ministros irrita Hartung


11/10/2017 às 16:19
A batalha de bastidores entre o governador Paulo Hartung e a senadora Rose de Freitas tem causado divisões na classe política capixaba e atritos no governo federal. No contexto dessas discussões está o acesso aos ministros do governo Temer. Ambos são do PMDB, partido do presidente, mas a senadora tem conseguido sair na frente nessa disputa por espaço, o que estaria irritando o governo do Estado. 
 
No grupo político da Agência Congresso, nas redes sociais, ganhou destaque a polêmica aberta com a vinda do ministro da Saúde Ricardo Barros ao Espírito Santo na próxima segunda-feira (16). Segundo informações da Agência Congresso, o governador não teria ficado satisfeito com o desfile de ministros ao lado de Rose de Freitas no Estado e teria escalado um deputado federal para pedir ao ministro que não viesse. 
 
Mas o ministro confirmou a agenda no Estado ao lado da senadora pela manhã. Como Hartung e Rose não dividem o mesmo espaço, mais uma vez, o Palácio Anchieta deve ficar fora da programação e mais uma vez deve se repetir o ato deselegante do governador de não enviar representante, como aconteceu na vinda do ministro dos Esportes, Leonardo Picciani, no fim de setembro. 
 
Além do ministro, senadora trará ao Estado a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármem Lúcia. Ela aceitou convite para inaugurar em Vitória o Centro Avançado que irá reunir as varas da infância da Capital.
 
A movimentação da senadora estaria sendo tratada no Palácio Anchieta como um “governo paralelo”. A parlamentar tem atraído recursos por meio de emendas e desembaraço convênios dos municípios com o governo federal. Já Hartung, de saída do PMDB por causa do desgaste do governo Temer, não consegue transitar como Rose no Palácio do Planalto ou tampouco neutralizá-la dentro do Estado.  

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Rabiscos eleitorais

Articuladores já fazem suas contas de 2018. Entre os deputados considerados reeleitos, está quase toda bancada do PMDB, incluindo Erick Musso. Mas, antes, terá que colocar um ''bonde'' pra correr

OPINIÃO
Editorial
À oposição, o respeito!
Seja manifestando uma simples opinião ou criticando medidas do próprio legislativo ou do governo, falou em Sergio Majeski, o tiroteio é garantido
Piero Ruschi
Carta de aniversário ao papai
‘Venho lhe desejar um feliz aniversário de 102 anos, o mais feliz possível, diante de todas mazelas que atormentam o Museu que o senhor criou e o meio ambiente que tanto defendeu
Gustavo Bastos
Destino e acaso
''Quanto ao cético do acaso, ele chama destino de delírio e acaso de nada''
Geraldo Hasse
Em defesa da soberania
Manifesto combate o entreguismo, filho dileto do colonialismo neoliberal
Roberto Junquilho
Hartung e seu muro
Sem a presença da senadora Rose de Freitas, evento com lideranças do PMDB vira palanque para o governador
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

Quem me ensinou a nadar
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Quem quer dinheiro?
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Rabiscos eleitorais

Hartung reforça interesse em projeto nacional nas eleições de 2018

Greve dos auditores da Receita Federal adia início do 'Bike VV'

Manifesto denuncia ameaças a lideranças mobilizadas contra agrotóxicos em Boa Esperança

Fundação Renova é multada e Samarco/Vale-BHP vira alvo de mais uma ação civil pública