Seculo

 

Bateu o desespero


10/11/2017 às 15:27
Alguns convencionais do PSDB têm relatado a pressão sofrida nos últimos dias que antecedem a convenção estadual do partido. O próprio governador Paulo Hartung (PMDB) estaria ligando para os delegados para pedir voto para o vice-governador César Colnago. Se isso é verdade, é sinal de que o governador está preocupado com o processo eleitoral que definirá o comando do PSDB. 
 
As entregas de benesses do Palácio Anchieta aos prefeitos, vereadores e outras lideranças tucanas também revela um alto investimento na disputa interna do partido. Não é para menos. O PSDB é fundamental para Paulo Hartung no processo eleitoral do próximo ano e o governador não quer perder o controle do partido, o que aconteceria, automaticamente, embora as lideranças do grupo neguem, com a vitória da chapa de Max Filho.  
 
Se tudo der certo nas movimentações nacionais, Hartung precisa de um aliado para disputar o governo do Estado, que dê continuidade à sua política local, e o vice-governador tem a senha número um para a sucessão de Hartung. Mas, pelo jeito, não está sendo tão fácil como no passado. 
 
Em março deste ano, o governador conseguiu um feito parecido. Diante do crescimento da candidatura do prefeito de Viana, Gilson Daniel (PV) na disputa pela Presidência da Associação dos Municípios do Estado (Amunes), com o apoio da senadora Rose de Freitas (PMDB) foi freada de forma parecida. 
 
Hartung colocou emissários palacianos Estado adentro, para convencer os prefeitos a pularem fora da chapa de Daniel e a apoiarem a chapa de Guerino Zanon (PMDB). Conseguiu, mas não sem gastar muita energia. Agora, porém, duas coisas são diferentes na ingerência palaciana em disputa alheia. A primeira diferença é que desta vez não são emissários palacianos que vazem o trabalho de intermediação e sim o próprio governador que estaria ligando para as lideranças. O segundo é que tem recebido um “não” como resposta de alguns tucanos. Isso porque, as promessas da eleição da Amunes ainda não foram cumpridas. 
 
Diante da possibilidade cada vez mais real de haver uma perda do controle do PSDB no Estado, Hartung não esconde um certo desespero para evitar o pior. 
 
Fragmentos:
 
1 – Já tem gente apostando até em três lideranças do Estado compondo chapa presidencial como vice: Paulo Hartung, Renato Casagrande e Magno Malta. Não é muita coisa pra um Estado de 2,7 milhões de eleitores?
 
2 –  “Nenhuma dúvida de que Colnago/Hartung estão usando deliberadamente a máquina do governo (dinheiro público) para tentarem ganhar a eleição da executiva do PSDB, amanhã. Fora as outras ações obscuras que já fizeram”, do deputado Sergio Majeski sobre o pacote de bondade de Colnago, retratada na coluna Praça 8, de A Gazeta desta sexta-feira (10).
 
3 – Os projetos sociais da Serra estão encontrando dificuldade em receber recursos de emendas parlamentares. Quem tem recebido muita reclamação são os vereadores do município,  que não conseguem liberar os recursos para as entidades.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Facebook
Sem freio

Palestras, CPI, ''showmícios'' e até lançamento de disco. Quem para o casal Magno Malta e Lauriete?

OPINIÃO
Editorial
A Ponte da Discórdia
Terceira Ponte entra novamente no centro dos debates políticos em ano eleitoral. Enquanto isso, a Rodosol continua rindo à toa...
Piero Ruschi
O Governo do ES e seu amor antigo ao desamparo ambiental
Mais um ''Dia Mundial do Meio Ambiente'' se passou. Foi um dia de ''comemoração'' (política)
Gustavo Bastos
Conto surrealista
''virei pasta para entrar mais fácil na pintura de Dalí''
Geraldo Hasse
Caetano dá força a Ciro Gomes
O artista baiano se declara admirador do político cearense candidato a presidente
Roberto Junquilho
A carne mais barata
A população de pessoas em situação de rua aumenta, como sinal de falência da gestão pública
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Entre a salada e o vinho
MAIS LIDAS

Hartung recebe alertas sobre gastos, publicidade e execução de programas em ano eleitoral

Ministério Público acusa superintendente do Ibama/ES de improbidade administrativa

Conto surrealista

Comunidade reforça que base da PM deve ser instalada na parte alta do Morro da Piedade

Sem freio