Seculo

 

O futuro a PH pertence


11/11/2017 às 17:25
Na Convenção do PSDB, realizada na manhã e princípio da tarde deste sábado (11), foi evidente a tentativa tanto do vice-governador César Colnago quanto do prefeito de Vila Velha Max Filho de manterem uma aparência de cordialidade. Mas na hora de escolher a executiva, as aparências ruíram.
 
Colnago teria oferecido a Max Filho a secretaria-geral, o que lhe permitiria indicar alguns membros da nova executiva, mas a proposta não foi aceita pelo prefeito. No frigir dos ovos, embora seja um grande cargo a ser ocupado, o secretário-geral, neste contexto, não garantiria o poder de influencia para equilibrar forças no partido.
 
Já as 49 cadeiras no diretório sim, podem trazer problemas. Embora seus líderes tentem mostrar que está tudo bem, a militância saiu ainda mais dividida do que entrou na eleição deste sábado. E os apoiadores do prefeito apontam que ele perdeu ganhando, por não compor com o grupo vitorioso puxado por Colnago, que está associado ao Palácio Anchieta.
 
Além disso, a chapa de Max impôs ao grupo palaciano um gasto de energia que não se imaginava em outros tempos. Mesmo com todas as investidas, a diferença de 12 votos mostra o equilíbrio da disputa e a divergência interna sobre os rumos do partido. Muitos tucanos não queriam continuar no projeto de Hartung.
 
Já Colnago, na vice de Hartung, tem um grande instrumento nas mãos. Pode se tornar governador a partir de abril, se Hartung decidir se desincompatibilizar do cargo para alçar voos nacionais. Se isso acontecer, Colnago vira governador e tem oito meses para se capitalizar para a disputa de outubro.
 
Mas e se o conselho de ética resolve que Colnago, como governador terá que se afastar das atividades partidárias? Até isso parece ter sido pensado, quando se observa a composição da executiva. Paulo Ruy Carnelli é o primeiro vice. O secretário de Transportes e Obras tem total confiança do Palácio Anchieta, ele pode muito bem conduzir o partido dentro do caminho esperado pelo grupo palaciano.
 
Agora seria esperar que Hartung cumpra sua parte no acordo. É aí que mora o perigo. Alguns tucanos não são tão pragmáticos sobre o futuro do PSDB no grupo do governador. Tentar traçar uma estratégia para o próximo ano, contando com o que Paulo Hartung, pode significar “cercar vento”, dizem.
 
Fragmentos:
 
1 – Embora houvesse a orientação para não usar a máquina, o local do encontro do PSDB deste sábado estava repleto de membros do governo do Estado e da prefeitura de Vila Velha. Circulou até a notícia de que um churrasco foi oferecido a convencionais nessa sexta-feira (10).
 
2 – O prefeito de São Mateus, Daniel da Açaí, que vem caminhando com a senadora Rose de Freitas (PMDB), esteve na convenção do PSDB com adesivo da chapa de César Colnago. Isso é que é cercar por todos os lados!
 
3 – Quem apareceu na hora da apuração dos votos na convenção do PSDB foi o peemedebista Hércules Silveira. Não foi lá para articular, estava fazendo bico de fotógrafo.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Facebook
Sem freio

Palestras, CPI, ''showmícios'' e até lançamento de disco. Quem para o casal Magno Malta e Lauriete?

OPINIÃO
Editorial
A Ponte da Discórdia
Terceira Ponte entra novamente no centro dos debates políticos em ano eleitoral. Enquanto isso, a Rodosol continua rindo à toa...
Piero Ruschi
O Governo do ES e seu amor antigo ao desamparo ambiental
Mais um ''Dia Mundial do Meio Ambiente'' se passou. Foi um dia de ''comemoração'' (política)
Gustavo Bastos
Conto surrealista
''virei pasta para entrar mais fácil na pintura de Dalí''
Geraldo Hasse
Caetano dá força a Ciro Gomes
O artista baiano se declara admirador do político cearense candidato a presidente
Roberto Junquilho
A carne mais barata
A população de pessoas em situação de rua aumenta, como sinal de falência da gestão pública
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Entre a salada e o vinho
MAIS LIDAS

Hartung recebe alertas sobre gastos, publicidade e execução de programas em ano eleitoral

Ministério Público acusa superintendente do Ibama/ES de improbidade administrativa

Conto surrealista

Comunidade reforça que base da PM deve ser instalada na parte alta do Morro da Piedade

Sem freio