Seculo

 

'A periferia nunca tem voz e mais uma vez ela foi calada'


05/12/2017 às 10:58
“Fico triste pela periferia. A periferia nunca tem voz e mais uma vez ela foi calada”. A afirmação é do prefeito de São Mateus, no norte do Estado, Daniel da Açaí (PSDB), sobre a cassação de seu mandato pela Justiça Eleitoral. Na noite dessa segunda-feira (4), o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) rejeitou por unanimidade os embargos de declaração do prefeito e manteve a perda de mandato dele e do vice-prefeito Doutor Zé Carlos (PMDB).
 
Assim que o acórdão dos embargos for publicado, Açaí e Zé Carlos deixam os cargos. Assume interinamente o município o presidente da Câmara mateense Carlos Alberto Alves (PSB) até a realização de uma nova eleição na cidade. A defesa de Daniel da Açaí vai tentar recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mas o prefeito não nutri grandes esperanças sobre uma reversão da decisão.
 
“Se aqui no Espírito Santo, que todo mundo conhece a realidade, não foi possível vitória na Justiça, em Brasília, acho muito difícil que consiga. Mas vou lutar até o fim”, disse o prefeito. A defesa de Açaí pretende ingressar com uma ação cautelar para atribuir efeito suspensivo à decisão do Tribunal Regional.
 
Com a decisão, o mercado político do município se movimenta para uma eventual eleição extemporânea. Os principais interessados na nova eleição são os adversários do tucano na disputa de 2016, Carlinhos Lyrio (PSD) e o deputado estadual, Freitas (PSB). Mas os meios políticos locais apostam em uma candidatura do deputado federal, Jorge Silva (PHS), que teria mais musculatura que as outras duas.
 
O principal eleitor desse novo pleito, porém, não parece disposto a apoiar nenhum nome do mercado mateense. Daniel da Açaí tem consciência de seu capital político, mas entende que apoiar alguém seria compartilhar a nova gestão e “se a Justiça mandou eu me afastar, vou ficar afastado”, afirmou.
 
Daniel da Açaí foi denunciado pelo Ministério Público Eleitoral por abuso de poder econômico na eleição de 2016. Ele foi acusado de distribuir água e caixas d’água à população do município durante o processo eleitoral do ano passado. Alguns membros do TRE entenderam que a crise hídrica no município forçou essa situação, mas isso não foi suficiente para convencer o restante da Corte.
 
Na disputa do ano passado, Daniel da Açaí recebeu 30.780 votos (55, 32%), Carlinho Lyrio ficou em segundo com 14.063 votos (25,27%). Já o deputado Freitas recebeu 10.797 votos (19,41%). Desde sua eleição, o prefeito vem tentando mitigar os efeitos da crise hídrica no município, com perfuração de poços artesianos e distribuição de caixas d’água para a população, além de garantir o abastecimento de água potável, sobretudo  nos bairros menos favorecidos de São Mateus.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Mesa aberta

Sergio Majeski não deve definir, agora, seu destino partidário. Mas já tem duas certezas: não fica no PSDB, nem aceita compor numa vice em chapa majoritária

OPINIÃO
Editorial
À oposição, o respeito!
Seja manifestando uma simples opinião ou criticando medidas do próprio legislativo ou do governo, falou em Sergio Majeski, o tiroteio é garantido
Piero Ruschi
Carta de aniversário ao papai
‘Venho lhe desejar um feliz aniversário de 102 anos, o mais feliz possível, diante de todas mazelas que atormentam o Museu que o senhor criou e o meio ambiente que tanto defendeu
Gustavo Bastos
Destino e acaso
''Quanto ao cético do acaso, ele chama destino de delírio e acaso de nada''
Geraldo Hasse
Em defesa da soberania
Manifesto combate o entreguismo, filho dileto do colonialismo neoliberal
Roberto Junquilho
Os pequenos se movem
Para garantir verba do fundo partidário, siglas como o PCdoB têm que apresentar chapa majoritária em 2018. E, no Estado, como fica?
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

Quem me ensinou a nadar
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Quem quer dinheiro?
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Com festa no Palácio Anchieta, governador sanciona lei de socorro aos municípios

Militares do Estado contestam governo Hartung em ADI protocolada no Supremo

Os pequenos se movem

Vereador de Vitória aponta manobra para reduzir R$ 12 milhões da Educação em 2018

Greve vai parar ônibus da Grande Vitória na terça-feira, anuncia sindicato