Seculo

 

Prefeitura de Vitória anuncia mais uma interdição na Leitão da Silva


03/01/2018 às 14:10
Uma faixa e o canteiro central da rua desembargador Ferreira Coelho estão parcialmente interditados entre as ruas Almirante Tamandaré e Neves Armond, na Praia do Suá, em Vitória. A interdição começou na tarde desta quarta-feira (3) e dura até o próximo dia 20 de janeiro.
A interdição visa permitir obras na avenida Leitão da Silva. As obras são de responsabilidade do governo do Estado, pelo Departamento de Estradas e Rodagem (DER-ES), que estão atrasadas. A comunidade da região e usuários da avenida Leitão da Silva não se cansam de denunciar os prejuízos que têm com os atrasos das obras.
 
O anúncio da nova interdição foi anunciado no site da prefeitura de Vitória. A interdição parcial foi autorizada pela Secretaria Municipal de Transportes, Trânsito e Infraestrutura (Setran), a pedido do governo do Estado, que fará o bloqueio para a realização das obras de ampliação da avenida Leitão da Silva.
 
A prefeitura explica que o  trânsito só será desviado para a rua des. Ferreira Coelho quando iniciar a interdição da Leitão da Silva. Essa autorização é apenas para fazer as retiradas dos canteiros centrais na referida via a fim de garantir a fluidez em três faixas de rolamento durante a interdição da Leitão da Silva.
 
O município fez exigências como a de que a sinalização seja adequada e que haja segurança de tráfego, com uso de cavaletes, cones e placas indicativas de sinalização, inclusive noturna, quando necessário, entre outros itens que deverão ser providenciadas pela empresa que executará as obras.
 
As obras na avenida Leitão da Silva foram iniciadas em março de 2014, ainda na gestão Renato Casagrande (PSB). O término da via estava previsto para o prazo de 18 meses. No fim de 2014, durante a autorização para a publicação do edital da segunda etapa das obras, foi fixado o mais novo prazo: primeiro semestre de 2018. A obra hoje está orçada em R$ 115 milhões.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Leonardo Duarte/Secom
Uma coisa só

Enquanto no campo nacional PRB e MDB ainda estão em fase de namoro, no Estado o partido já é um “puxadinho” de Hartung. E tudo começou com Roberto Carneiro...

OPINIÃO
Editorial
MPES omisso
Ministério Público decidiu não participar das audiências de custódia. Um dos prejuízos: denúncias contra tortura, comumente relatada por presos
Bruno Toledo
Por que negar os Direitos Humanos?
Não há nada de novo nesse discurso verde e amarelo que toma as ruas. É a simples manutenção das bases oligárquicas do Brasil
Eliza Bartolozzi Ferreira
Políticas de retrocesso
Dados educacionais do governo Paulo Hartung são alarmantes
JR Mignone
Enganosos
Fazendo uma comparação corajosa e dispersa, tanto as eleições do Brasil quanto a Copa do Mundo terão muita surpresas e varias decepções
Geraldo Hasse
Vampirismo neoliberal
O governo oferece refrescos aos trabalhadores enquanto suga seu sangue
Roberto Junquilho
Quem governa?
Um novo porto na região de Aracruz demonstra que, para as corporações, as minorias não importam
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Uh, Houston, temos um problem
MAIS LIDAS

Sindicato protocola denúncias contra Sesa por contratação de Organizações Sociais

Corrida ao Senado sinaliza mudança na bancada capixaba

Quem governa?

Vampirismo neoliberal

Greve dos professores de Vitória continua por tempo indeterminado