Seculo

 

Presidente interino do Confea garante investigar fraudes na eleição do Crea-ES


12/01/2018 às 23:22
Numa reunião a portas fechadas na sede do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Espírito Santo (Crea-ES), o presidente interino do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), Daniel Salati, garantiu nesta quinta-feira (11) que realizará, por meio da Comissão Federal Eleitoral, todas as investigações necessárias sobre as denúncias de fraudes do processo eleitoral no Estado, que acabou resultando na polêmica vitória da nova presidente da entidade, a engenheira civil Lúcia Vilarinho.
Do encontro, que começou às 11 horas e encerrou-se cinco horas e meia depois, com pequeno intervalo para o almoço, participaram cinco dos sete candidatos que disputaram, em novembro e dezembro do ano passado, uma eleição marcada por acusações relativas ao uso da máquina administrativa pelo então presidente do Crea, Helder Carnielli, para favorecer seu candidato, até então favorito, o engenheiro agrônomo Geraldo Ferreguetti. 
 
Daniel disse que não hesitará em pedir a anulação das eleições caso sejam comprovadas as fraudes e, também, chamou à responsabilidade os candidatos que se digladiam pela presidência do Crea, alertando que o prolongado embate causa impressão negativa do Conselho na sociedade. 
 
Um dos candidatos que defende a anulação do pleito, Jorge Luiz e Silva comemorou a declaração de Daniel, já que tinha o receio de que a Comissão Federal, apesar do recurso que ele e mais três candidatos apresentaram questionando a lisura das eleições, fizesse "corpo mole". Ele também afirmou que "uma eleição sem qualquer resquício de moralidade deixa o Crea numa situação ruim,  pois somos uma autarquia que deve trabalhar em favor da sociedade".
 
O primeiro vice-presidente do Crea, engenheiro mecânico e de segurança do trabalho Fred Rosalém, que entrou nesta quinta com pedido de liminar na Justiça Federal de Vitória para assegurar sua posse como presidente do Crea, se recusou a fazer qualquer comentário sobre a possível anulação das eleições. "Tenho a expectativa de um resultado favorável ao meu pedido de liminar  e espero que isso aconteça amanhã [sexta-feira, 12]", apontou.
 
Fred baseia seu pedido no artigo 84 do Regimento Interno do Crea, segundo o qual, na vacância do cargo, assume o primeiro vice. Como Lúcia Vilarinho teve a homologação de sua posse pelo Confea contestada sábado passado (6), por uma decisão do juiz federal de Brasília, Vallisney de Souza Oliveira, que a considerou "irregular e eivada de nulidade", Fred vinha defendendo que ela cumprisse o regulamento, se afastando do cargo e abrindo caminho para sua posse. Ela não o fez e Fred então decidiu recorrer à Justiça. Caso assuma a presidência, ele é que vai convocar novas eleições.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

Até tu?

A situação está tão difícil, que PH almejou fazer uma dobradinha com os senadores Magno Malta e Ricardo Ferraço

SOCIOECONÔMICAS
Agência Senado
Cotações

Apesar de já ter anunciado apoio a Majeski, sobem as apostas de que Max Filho poderá, mesmo, é fixar lugar no palanque de Rose

OPINIÃO
Editorial
Quem paga a conta senta na cabeceira?
O financiamento pela Arcelor de uma pesquisa da Ufes de R$ 2 milhões acende o alerta sobre a autonomia universitária e a transparência nos acordos entre academia e capital privado
Piero Ruschi
Visita à coleção zoológica de Augusto Ruschi
Visitei a coleção zoológica criada por meu pai e seu túmulo na Estação Biológica. Por um lado, bom, por outro, angústia
JR Mignone
Uma análise
Algumas emissoras, aquelas que detêm alguma ou boa audiência, dedicam-se pouco à situação do país
Geraldo Hasse
Refém do Mercado
O País está preso ao neoliberalismo do tucano Pedro Parente, presidente da BR
Roberto Junquilho
A montagem da cena
Em baixa junto aos prefeitos da Grande Vitória, Hartung dispara para o interior do Estado
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Arrogância também conta?
MAIS LIDAS

Candidatura de Lula à Presidência será lançada neste domingo em Vitória e Serra

Servidores do Ibama e ICMBio no Estado protestam contra loteamento político do órgão

Projeto da nova sede do IPAJM é 'reavaliado' por Instituto de Obras do Estado

Quem paga a conta senta na cabeceira?

A montagem da cena