Seculo

 

Todas as praias de Vitória estão impróprias para banho


09/02/2018 às 14:10
Os 26 pontos de balneabilidade da orla de Vitória encontram-se interditados ou impróprios para banho, conforme resultados das últimas análises feitas das amostras das águas coletadas, nessa segunda-feira (5). A prefeitura atribuiu a situação à "grande quantidade de chuvas das duas últimas semanas".
Segundo a bióloga Amanda Nogueira, da equipe da Coordenação de Monitoramento Hídrico, Atmosférico e do Solo (CMAHS) da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Serviços Urbanos (Semmam), “é comum o carregamento de esgoto sanitário, lixo e outros detritos, inclusive de outros municípios, em direção às águas litorâneas, onde não existe um sistema separador absoluto de esgotamento sanitário ou quando existem ligações irregulares de esgoto na rede de drenagem pluvial".
 
O secretário de Meio Ambiente e Serviços Urbanos (Semmam), Luiz Emanuel Zouain, voltou a jogar carga na Companhia Espírito-Santense de Saneamento (Cesan). "Enquanto não formalizarmos um contrato que defina os investimentos urgentes e necessários que precisam ser feitos em Vitória pela Cesan, continuaremos no século retrasado quando o assunto for saneamento básico", afirmou.
 
A classificação da balneabilidade é a indicação da qualidade das águas destinadas à recreação de contato direto e prolongado, como natação, mergulho e lazer. A Semmam realiza semanalmente os testes de balneabilidade conforme determina a Resolução do Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama) 274/2000 e informa a população os resultados sempre às quinta-feiras, no site da Prefeitura de Vitória e das placas de balneabilidade distribuídas em toda a orla. Os resultados atuais são válidos até a próxima sexta (16), após o feriado.
 

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Leonardo Duarte/Secom
Uma coisa só

Enquanto no campo nacional PRB e MDB ainda estão em fase de namoro, no Estado o partido já é um “puxadinho” de Hartung. E tudo começou com Roberto Carneiro...

OPINIÃO
Editorial
MPES omisso
Ministério Público decidiu não participar das audiências de custódia. Um dos prejuízos: denúncias contra tortura, comumente relatada por presos
Bruno Toledo
Por que negar os Direitos Humanos?
Não há nada de novo nesse discurso verde e amarelo que toma as ruas. É a simples manutenção das bases oligárquicas do Brasil
Eliza Bartolozzi Ferreira
Políticas de retrocesso
Dados educacionais do governo Paulo Hartung são alarmantes
JR Mignone
Enganosos
Fazendo uma comparação corajosa e dispersa, tanto as eleições do Brasil quanto a Copa do Mundo terão muita surpresas e varias decepções
Geraldo Hasse
Vampirismo neoliberal
O governo oferece refrescos aos trabalhadores enquanto suga seu sangue
Roberto Junquilho
Quem governa?
Um novo porto na região de Aracruz demonstra que, para as corporações, as minorias não importam
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Uh, Houston, temos um problem
MAIS LIDAS

Sindicato protocola denúncias contra Sesa por contratação de Organizações Sociais

Corrida ao Senado sinaliza mudança na bancada capixaba

Quem governa?

Vampirismo neoliberal

Greve dos professores de Vitória continua por tempo indeterminado