Seculo

 

Atiradores


13/03/2018 às 09:16
O que mais se vê nos noticiários de televisão são metralhadoras, granadas e revólveres. Ou dos bandidos ou da polícia e agora também do Exército. Lá nos Estados Unidos também tem. Só que lá os caras são lunáticos, são civis adoentados. Ah! Lá também têm os melhores "snaps", atiradores de elite do planeta. 
 
Pois muito bem, o mundo assiste a essas coisas na televisão. As imagens são captadas e jogadas na telinha por outros atiradores, os cinegrafistas. Esses não deixam de entrar nessa categoria. O que cada um deles carrega, a câmera, não deixa de ser uma arma.
 
Essa potente arma pode ser usada para o bem ou para mal. Conforme a tomada, conforme a pauta, conforme o momento. 
 
Se um cinegrafista girar sua câmera numa discórdia de um Congresso, seja onde for, essa imagem corre o mundo, denegrindo aquela instituição.
 
São vários os momentos que as lentes dessa arma podem captar. Desde um crime, ou roubo, passando por corrupção até um julgamento numa sala de júri. São infinitas as possibilidades dessa arma. E tem que saber usá-la.
 
Pense bem. Nos conflitos onde a força do Estado está presente, uma arma (a câmera) mostra a ação de outras armas (os fuzis ou metralhadoras). Tem imagem, tem som, tem emoção, tem revolta, tudo em quem assiste.
 
São detalhes do dia a dia do mundo moderno, cheio de violência, corrupção, maus políticos, muito bandido e a câmera (intimamente chama de CAM) captando tudo isso. Dificilmente ela capta uma paisagem ou uma boa ação cotidiana. Infelizmente.
 
PARABÓLICAS
 
Após 27 anos de bons serviços prestados "à firma' (como ele mesmo denominava A Gazeta), Luis Claudio Silva foi "desligado" como voz padrão da TV Gazeta.
 
Outro dia Fabio Pirajá publicou uma foto com o pessoal da antiga Rádio Cachoeiro. Jose Américo Mignone, Danilo Neves, Paulo Garruth. Muito legal.
 
Acho que devemos continuar orando por Aloísio Ovelha, pois milagres existem, desde que tenhamos fé. E ele merece voltar.
 
Quem está de casa nova é Hamilton de Almeida. Ex comercial da Rede Tribuna, agora na Rede Sim. Junta-se a Oswaldo Nogueira.
 
MENSAGEM FINAL
 
“A sabedoria com as coisas da vida não consiste, ao que me parece, em saber o que é preciso fazer, mas em saber o que é preciso fazer antes e o que fazer depois”. Leon Tolstói

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

Espelho democrático

PH, com certeza, vai jogar pra frente dúvida sobre candidatura à reeleição. Mas não o vejo fora da disputa e sem mandato

OPINIÃO
Editorial
MPES omisso
Ministério Público decidiu não participar das audiências de custódia. Um dos prejuízos: denúncias contra tortura, comumente relatada por presos
JR Mignone
O voto facultativo
Atual insatisfação com a política seria uma chance para começar a estudar a implantação do voto facultativo?
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Para, relógio
MAIS LIDAS

Extermínio da juventude negra será tema de jornada de luta no mês da abolição

Presidenciável do PRB articula construção de palanque eleitoral no Estado

Sindicato dos Médicos e CRM encontram cenário caótico em hospitais do norte e noroeste

Processo de nepotismo contra Sérgio Vidigal vai a julgamento nesta terça-feira no TJES

Um filme sobre o extermínio da juventude negra