Seculo

 

Nova rádio


27/02/2014 às 14:05
Uma rádio comercial de quatro computadores e três saletas. Uma rádio comercial e não importa mais a frequência. Tudo pode ser FM, o único diferenciador é estéreo ou não.
 
Tem lado de transmissão. Torre, que pode usar alugada, ou seja, de uma ou mais empresa que são as donas. As antenas, de acordo com a potência. O transmissor, que hoje em dia não é bicho de sete cabeças adquirir.
 
O que pesa um pouco e vai continuar dando dor de cabeça é a outorga dada pelo governo. Podemos ir para as últimas gerações de tecnologia, mas a outorga será um marasmo cada vez maior conseguir.
 
Mas voltemos aos estúdios. Na emissão, dois computadores de alta qualidade, com placas de áudio especiais e um programa que não falhe nunca. Só conheço o playlist (original) que é o melhor. E brasileiro!
 
O do Playlist (programação) só tem este programa e é fechado para internet. Outro de alta velocidade para navegar. Ambos acoplados ao ar. Isso tudo sem mesa de som, sem amplificador de áudio, etc, etc.
 
Uma das três saletas será destinada a adições. Tem sempre o que gravar, o que editar. Afinal, se fatura comerciais nessa emissora. Um PC de alta qualidade, com placas especiais também.
 
Quem tem uma rádio dessas certamente é um radialista nato e com boa experiência em todas as áreas. O quarto PC é dele. Arquivos de músicas, de comerciais, de textos, de trilhas, de gravações. Este PC pode funcionar como “dedo-duro” ou comprovante de irradiação.
 
Uma rádio com programação maleável. Poucos horários fixos. Bastante eclética, mas com conceitos de credibilidade, tanto política como comercial. Uma rádio esportiva e educativa sem ser popularesca.
 
Essa é a rádio do futuro. Com radialistas ou sem. Ou só com quem tem competência.
 
PARABÓLICAS
 
A Litoral FM está fazendo ações de promoção esporádicas com grandes nomes da música pop nacional. O último a vir foi Daniel
 
A pequena rede de rádio FM Mais (Aracruz e Fundão) conta com alguns nomes experientes do rádio, tornando-a bem ouvida
 
Andersen Dourado e Vanda Simas dão um toque profissional à Rádio Tribuna AM, que conta com a boa programação.
 
A Rádio Capixaba comprou horário na FM A Corda Vida aos domingos. São três horas de programação
 
MENSAGEM FINAL
 
Mover-se rápido não é o mesmo que ir a qualquer lugar. Robert Anthony

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

De demolidor a demolido

Até outro dia, o MDB era o partido mais importante do Estado, mas entrou em agonia com a interferência de PH

OPINIÃO
Piero Ruschi
O Governo do ES e seu amor antigo ao desamparo ambiental
Mais um ''Dia Mundial do Meio Ambiente'' se passou. Foi um dia de ''comemoração'' (política)
Bruno Toledo
Estado sem PIEDADE!
As tragédias que se sucedem no Morro da Piedade sintetizam as contradições mais evidentes e brutais do modelo de sociedade e de Estado que estamos mergulhados
Geraldo Hasse
Mundo velho sem catraca
Cinquenta anos depois, é possível fazer um curso técnico por correspondência via internet
Roberto Junquilho
Hartung, o suspense
O governador Paulo Hartung mantém o suspense e pode até não disputar a reeleição em 2018
BLOGS
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Uma revoada de colibris
MAIS LIDAS

Visita de interlocutores de Hartung a Rodrigo Maia sinaliza mudança de cenário

Contrato do governo do Estado com a Cetesb sobre poluição do ar continua sigiloso

Juiz Leopoldo mais próximo de ir a Júri Popular por assassinato de Alexandre Martins

LDO será votada na próxima segunda-feira na Assembleia

Hartung, o suspense