A cachorrinha

O caso da cachorra vira-lata de Vitória guarda semelhança com a história do Akita que esperava o dono na estação de trem

A história da cachorrinha vira lata atrás do dono comoveu os capixabas, tanto que os jornais e TVs dedicaram espaços e tempos enormes para acompanhar e contar a história.
 
O que aconteceu não difere muito do caso Hachiko Monogatari, a história de cão japonês da raça Akita, cujo dono morreu e ele continuou a esperá-lo na estação de trem por 10 anos até ele próprio morrer, história verídica, também traduzida em filme, cujo nome foi “Hachiko – A dog story”, estrelado por Richard Gere.
 
Apesar de ter sido exagerado pela imprensa capixaba, a história da cadelinha sensibilizou muita gente e não teve um final feliz. Seu dono, um pedreiro foi preso ao tentar furtar um carrinho de mão. Ela o acompanhou por quilômetros, parando e ficando na porta da delegacia.
 
Para não chamar a atenção da cachorra, a polícia tirou o pedreiro pela porta dos fundos, mas ela permaneceu na porta da delegacia, até ser atropelada e socorrida por populares, indo para uma clínica veterinária, lugar que devia desconhecer até então.
 
Alguém quis adotá-la, mas lance seguinte, a Justiça liberta o pedreiro três dias depois. A imprensa então registra o reencontro da cachorra e do seu dono. As fotos, nas primeiras páginas dos jornais, registram claramente o olhar feliz da cachorra.
 
Mas, seu dono, alegando impedimento de sustentá-la (na verdade estava ele envergonhado) dá a cachorra para quem queria adotá-la. Final feliz? Talvez. O fato é que seu caso levantou sentimentos, talvez porque este animal é que se diz amigo do homem (é mesmo) e que quase toda família tem um.
 
Eu mesmo tive. Danko era um policial alemão dos meus tempos de menino em Cachoeiro e recentemente, Puffy foi o queridinho das meninas lá de casa.
 
PARABÓLICAS
 
A FM Nova Onda inovou nos sites. Ela criou a redeSites. É o mesmo das duas emissoras, tanto de Aracruz como de Nova Venécia.
 
Vitor Rangel, da RecordNews abocanhou o premio de Melhor Cinegrafista na 19º Edição do Premio Capixaba de Jornalismo.
 
E a 90,5 de Guaçui tem uma das melhores equipes do sul do Estado, no que tange à coesão, sentido de equipe.
 
Samuel Silva é quem responde pelo setor de esportes da Rádio Globo de Linhares, embora lá só tenha um time de futebol.
 
MENSAGEM FINAL
 
Se você pegar um cachorro faminto e lhe der comida, ele não vai lhe morder. Esta é a principal diferença entre um cachorro e um homem.
 
Mark Twain
 
TRADUÇÃO DO DIA
 
  • Palavras-Chaves
Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para manter ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.