Abusados

Você sabia que o seu Brasil é o campeão de taxas, sendo que são altas ainda?

Dias desses saiu uma matéria ilustrativa e acusativa sobre as ações do Ministério Público contra as taxas abusivas dessas prestadoras de serviços. Faltou incluir os condomínios. 

Para se ter uma ideia da coisa, saiu uma lei ano passado, eliminando a cobrança do tal “ponto extra” das TV’s a cabo. Elas nunca obedeceram e tampouco a Anatel tomou uma providencia mais firme. Aliás, pra mim, a Anatel não cuida de nada. Esses órgãos de segundo escalão do governo, principalmente, os que terminam em EL.

Quando eu conheci a Serasa, me deu a impressão ser um órgão seríssimo do governo federal. Que nada. É uma firma que vasculha sua vida e bloqueia seus direitos econômicos por muito tempo. Alguém do governo permitiu e deu esse poder a esta empresa. Ela não tem poder para isso porque é inconstitucional. Ninguém grita, ninguém faz nada. E agora ela se associou a uma empresa estrangeira. Pode?

Outra coisa. Diz o Estatuto do Idoso, que aquele acima de 60 anos não precisa pagar IPTU, o que não é cumprido. Fica tudo por isso mesmo, sendo também que todos devem se valer de seus direitos, o que não acontece.

Enfim, todas as taxas são abusivas. As empresas arrumam subterfúgio – geralmente nas entrelinhas -  para prejudicar a população. Repare e analise bem as taxas de luz, repare a maneira como cobram os serviços de TV a cabo, telefonia. Sempre tem uma coisa que ninguém entende o motivo, mas está ali.

Hoje tem as taxas de condomínio. Isso dever ser o negócio mais lucrativo de todos. Porque todos querem ser síndico e tem edifícios, que além de síndico, tem a administradora. Muitos edifícios não possuem o que oferecer para taxas tão altas. Dizem que é a tendência de mercado. 

E por aí vai. Você sabia que o seu Brasil é o campeão de taxas, sendo que são altas? E depois te chamam de cidadão. Você, cidadão, continua votando e nada melhorando.

PARABÓLICAS

Pelo meu conhecimento, temos de cinco a dez pessoas que trabalham em rádio se candidatando a algum cargo eleitoral este ano.

O locutor do varejo do MultiShow Supermercados é das antigas, mas consegue animar o texto e o objetivo do comercial.

Nosso Idalecinho Carone é adepto do WhatsApp. Atento ao que rola na Internet, está sempre compartilhando vídeos. 

Menino Saul (Josias) frequentando muito a Vila Rubim para adquirir ervas milagrosas, cuidando da saúde de modo natural.

MENSAGEM FINAL
Muitas vezes as pessoas sentem orgulho de sua pureza de consciência apenas porque suas memórias são muito curtas. Zanizad Rafaezsky

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para manter ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
1 Comentários