Era Fantástico

O programa que já foi reconhecido como o show da vida é hoje um dos piores da TV

O Fantástico é um programa que teria esse propósito, como nome sugere, de ser fantástico, de ser o show da vida. Hoje é um dos piores programas da televisão brasileira

Como a Globo é o ópio do povo, o povo não saca e encara esse programa numa boa todos os domingos. Veja você, num domingo desses, as atrações eram: um nigeriano que retornou para os braços da mãe; a perda de peso de Ronaldo Fenômeno; o caso do goleiro Bruno e uma reportagem com o chato do Luan Santana.

Acho que no horário deve ter coisas boas em outros canais, não é possível! Nesta mesma edição uma reportagem chatíssima sobre educação no nordeste. Depois, o programa cometeu o pior do pior, reproduziu uma corrida F1 inteira. É a mesma coisa que a gente aqui no rádio pegar uma gravação de um jogo de futebol de 90 minutos, que aconteceu há semana e colocar no ar, na íntegra.

O Fantástico começou como uma “revista” semanal, sem muito dessas reportagens chatas, de encher lingüiça. Tinha clipes musicais, tinha humor, tinha esporte, política, economia, nacional e internacional, na dosagem certa (ou medida certa)

Realmente é um suplício ver o Fantástico aos domingos. Mas tem gente que gosta. É a lei da vida, a lei das contradições, dos desvairados. Mas eu me divirto quando vejo. Fico esperando o Zeca Camargo aparecer para ver o que ele vai fazer com as mãos, porque até hoje ele não sabe onde colocá-las. Repare só. Ele esfrega as mãos, depois enfia no bolso, necessariamente nessa ordem. Muito bom de ver isso. Hilário. Pelo menos isso.

PARABÓLICAS

Encontramos Marta Cibien. Falou dos novos projetos que desenvolve em Brasília para atender os prefeitos do interior. Do Brasil inteiro.

Estamos preparando uma mensagem de áudio de fim de ano. Me lembrei de Ademir Barcelos e dos programas que a gente fazia na Rádio ES

Um ás do Twitter. É assim que podemos definir o ex jornalista ativo e há muito tempo advogado, Sérvio Bastos dos Santos

Marcelo Rossoni continua procurando parceiros para tocar o seu Jornal Empresários.

MENSAGEM FINAL

Existem derrotas, mas não existe o sofrimento. Um verdadeiro guerreiro sabe que ao perder uma batalha está melhorando sua arte de manejar a espada. Saberá lutar com mais habilidade no próximo combate. Paulo Coelho

  • Palavras-Chaves
Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para manter ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.