O Grande Árbitro

Se em todo fim de ano houvesse um julgamento divino pra valer, uma espécie de VAR do céu, muitos de nós estaríamos reprovados

Se em todo fim de ano houvesse um julgamento divino pra valer, uma espécie de VAR do céu, muitos de nós estaríamos reprovados por nossas faltas.

Mas não há jeito. Você pode ser o melhor cristão do mundo. Se ganha, deve ter ganho com algumas faltas, claro. Se perde, há uma revolta, que pode ser externa e muito pior se for interna.

Na realidade, não existe fairplay em nossos jogos nesta vida, jogos da sobrevivência. Treinos para manter a espiritualidade dificilmente acontecem, jogadas ensaiadas para manter a bondade muito menos. A maioria joga sem preparo para o jogo diário da vida.

Existe uma frase que li, que resume muito bem tudo isso. Ela mostra que não importa o que conseguimos ou o que não conseguimos ter no desenrolar do ano. A frase diz que, acima de tudo, como foram nossas atitudes perante essas coisas.

Devemos todo ano colocar nosso nome no imaginário central da mente e deixar o Mestre ir pontuando nossas atuações a cada partida de nossos dias, semanas e meses. E no último dia do ano, veremos quantas estrelas ele colocou para cada um de nós, seres humanos.

É através delas que seremos convocados ou não para atuar no Escrete Celeste. E não precisamos ficar preocupados antecipadamente, pois teremos  uma maneira infalível de saber se o Grande Árbitro irá colocar estrelas em nossos nomes: A nossa consciência.

Ultimamente é ela que anda faltando na gente, a consciência. É dela que vem o caráter, a humildade, o perdão, a justiça e o amor. Podem reparar, estamos sem treinar e jogar essa tática tão simples.

Pense bem e melhora um pouco no próximo ano, para eu poder escrever agora com consciência: FELIZ 2020!

A frase que me referia no início é essa:
“Quando o Grande Árbitro chega para colocar as estrelas ao lado de seu nome, Ele vê, não se perdeu ou ganhou, mas como você jogou".

FELIZ ANO NOVO

PARABÓLICAS

O grande Jorge Groppo se aposentou na Rádio ES e assim acabou o tradicionalíssimo programa de polícia, as 12 horas. Uma pena.

Dedeko, aquele mesmo, continua em ação na Jovem Pan coadjuvado pela belíssima Penélope. São destaques da programação

O ex-senador Magno Malta deu um descanso na programação da sua A Cor Da Vida FM. Talvez volte ao microfone da emissora ano que vem, ano de eleição.

Ratinho comprou recentemente uma rádio em SP. Com programação sertaneja, já é primeiro lugar de audiência na terra da garoa.

ACESSE
http://jrm50anos.blogspot.com.br/

MENSAGEM FINAL
Patrão de esquerda só é bom até o dia do pagamento. Otto Lara Resende

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para manter ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.