O que se ouve?

Música e notícia estão entre as preferências dos ouvintes de rádio

Foi realizada recentemente uma pesquisa sobre audiência de rádio nas grandes cidades do país. O resultado foi muito interessante, já que mostra como se manifesta o ouvinte em metrópoles como Rio, São Paulo, Porto Alegre e outras grandes cidades.
 
Foi uma pesquisa longa com as classes A, B, C, D e E, de 15 a 70 anos. A média de gente entrevistada foi 49% da população brasileira. Gente para encardir. As músicas e as notícias foram os destaques maiores dessa gigantesca pesquisa.
 
A música foi o item mais ouvido, com perto de 100%, lógico. Depois vieram as notícias, sendo divididas em notícias da cidade, ou seja locais, e notícias do país, com 46 e 36%, respectivamente. Um bom dado. O povo querendo mais informação.
 
Mas outros dados aparecem com surpresa, mostrando que nossas grandes cidades realmente viraram metrópoles. As notícias sobre o trânsito aparecem com 32% e os entrevistados disseram que ouvem com muita frequência, provando que o tempo preocupa quem sai de casa para trabalhar.
 
Mas os noticiários policiais têm o seu lugar. O povão das grandes cidades gosta de ouvir quem matou quem, ou quem foi preso e por quê; 27% preferem este tipo de informação. Já a notícia comum vem logo atrás com 21%, o que é um bom dado.
 
Uma amostra interessante. Apenas 16% gostam de comentários esportivos. Na pesquisa não tinha a jornada esportiva, a transmissão do jogo, pois isso varia de times. É um dado a ser estudado, de qualquer maneira
 
Mas uma coisa ficou marcada nesses dados. A música gospel. Pensava-se que ela teria cifras de porcentagem astronômicas, ou estivesse entre as “músicas” lá de cima do texto, mas ficou com singelos 16% de preferência atraída.
 
Como se nota, muita coisa está mudando na audiência do rádio. Vamos acordar pessoal do rádio!!!!!
 
PARABÓLICAS
 
 
O nosso menino de ouro Saul Josias continua mandando ver na FM Universitária, com o seu Terra Brasillis
 
Calos Papel passou um tempo fazendo um bom trabalho da TV Assembleia. Anda sumido. Mas continua o bamba do jingle político
 
Ideraldo Gomes com um grande projeto, apoiando o Rio Branco, numa das rádios da capital, especialmente na Copa ES
 
Jota Oliveira, da Sim Vila Velha, fez um excelente trabalho no recente Campeonato Brasileiro de Kart, no qual é especialista
 
MENSAGEM FINAL
 
Um só ramo em flor tem mais futuro do que toda uma floresta seca. E numa só semente de trigo, há mais vida do que num montão de feno. Gibran Kahlil Gibran
  • Palavras-Chaves
Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para manter ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.