Outras duas notas

Algum parlamentar capixaba poderia se interessar no apoio ao PL que cria aposentadoria aos radialistas

PRIMEIRA 
 
Uma coisa boa vem acontecendo no rádio brasileiro. O deputado federal Cleber Verde (PRB-MA) conseguiu apoio de vários deputados ao seu projeto de criar uma aposentadoria aos radialistas (rádio&TV). No bojo, a matéria do projeto dispõe sobre a concessão de aposentadoria ao radialista, após 25 anos de contribuição. Segundo ele, a proposta faz justiça à categoria, que vem sofrendo com vários problemas de saúde decorrentes da profissão, radiofrequências, som alto, tensão em transmissões, cordas vocais e peso de equipamento. A matéria tramita no Congresso e já passou pela Coordenação de Comissões Permanentes. Algum parlamentar capixaba poderia se interessar no apoio.
 
SEGUNDA 
 
O Brasil encontra sérias dificuldades na adoção de um padrão digital para o sistema de rádio. Recentemente, o Senado fez um amplo debate sobre o assunto e foi constatado, embora já soubéssemos, que a ausência de uma política industrial que facilite a produção de transmissores e receptoras e, principalmente, a indefinição sobre modelos de negócio e serviços, foram os principais itens debatidos por autoridades do setor e políticos.
 
Pois muito bem, duas informações opostas. A primeira, algumas pessoas lutam para melhorar o nível do radialista no Brasil. Assim mesmo uma luta solitária, pois acho que a maioria dos radialistas não está nem aí para a proposta do nobre deputado.
 
A segunda traz à tona o que já vem se arrastando há tempos. A falta de definição de qual vai ser o sistema digital adotado para o rádio no Brasil e os agravantes de problemas industriais para a feitura dos transmissores e receptores. Ambos têm de ser especiais. E agora?
 
PARABÓLICAS
 
O programa Voz da Itália continua no ar na Gazeta AM, embora diferente do formato original. Comando da Anete Musso.
 
Escrevi essa coluna no Dia do Rádio (25/09). Aí lembrei que tem muito diretor de rádio que passa dias, meses e talvez ano sem entrar no estúdio de sua rádio.
 
Tem uma “Rádio Mais FM’ em Cachoeiro que não se consegue ouvir na internet...quanto mais ao vivo. Tem outras em outros lugares, parece uma rede.
 
A Cor da Vida FM, a rádio do senador do Magno Malta (PR), investe pesado em todas as redes sociais, com interatividade total. 
 
MENSAGEM FINAL
“A esperança é a arte de ser feliz sem a felicidade”. Berilo Neves
 
 
 
 
 
  • Palavras-Chaves
Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para manter ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.