Agressões na sede do MDB no Estado fazem Nacional suspender eleições

Lelo Coimbra e Marcelino Fraga lideram as chapas que concorrem à Executiva Estadual do partido

Estão suspensas as eleições no MDB estadual, que estavam marcadas para a próxima sexta-feira (29), por determinação do presidente nacional do partido, Baleia Rossi, que nesta segunda-feira (25) encaminhou a decisão para referendo da Comissão Executiva. No relato, ele afirma que se trata de decisão meramente acautelatória e que tem por objetivo zelar pela sobrevivência do partido.  

“...a situação do MDB Capixaba é gravíssima (...), a sede do MDB do Espirito Santos foi alvo de uma ação autoritária e violenta que não condiz com a história democrática do partido em nenhuma parte do País”, diz o expediente de Baleia Rossi, destacando, no entanto, que o ato da Nacional não visa esvaziar o “comando judicial” que nomeou o deputado José Esmeraldo para conduzir o processo eleitoral. 

A suspensão ocorre como desdobramento de agressões verbais e ameaças registradas na última quinta-feira (21) na sede estadual do MDB. O advogado do partido, Sirlei Almeida, representante da Comissão Provisória do partido, entrou com recurso e apontou o deputado José Esmeraldo como um dos que invadiram a sede do partido.

O advogado afirmou que o deputado estadual, juntamente com o também advogado Luciano Ceoto, iniciou as agressões verbais ao chegar ao partido, na manhã de quinta-feira, intimidando funcionários e assumindo funções de forma arbitrária, extrapolando o conteúdo da liminar da Justiça que o autoriza a conduzir o processo eleitoral.

Ao decidir pela suspensão das eleições, o presidente da Nacional ressalta que “a disputa que deveria ser política e no campo das ideias, passou para as vias de fato, com agressões pessoais, o que é absolutamente inaceitável”. 

A sede do partido, localizada na Enseada do Suá, se encontra fechada desde o último sábado, a fim de evitar novas ocorrências. Sem ter como realizar a sessão para exame de registro de chapas, o deputado José Esmeraldo transferiu os  trabalhos para um hotel na Praia de Camburi. 

 “Muda MDB” e “MDB Independente”  são as duas chapas inscritas na disputa da convenção estadual do partido. A primeira, que tem à frente José Esmeraldo, articulador da candidatura do ex-deputado federal Marcelino Fraga, disputa com a “MDB Independente”, do atual presidente, Lelo Coimbra, que tenta a reeleição. O confronto entre os dois grupos vem desde maio deste ano.

Leia Também:

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para mantê-lo ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.

Matérias Relacionadas

Eleição do MDB estadual marcada para sexta-feira corre o risco de ser adiada

A sede está fechada desde o último sábado, quando o deputado José Esmeraldo foi impedido de entrar

Deferidas as inscrições de duas chapas para a convenção estadual do MDB

O deputado José Esmeraldo presidiu a sessão de exame da documentação das duas chapas

Tumulto na sede do MDB faz Comissão Provisória suspender convenção em Vitória

A ex-deputada Luzia Toledo, presidente da comissão, diz não ter como garantir a segurança do pleito

MDB recebe neste sábado documentação de chapas para a convenção estadual

O deputado José Esmeraldo obteve autorização da Justiça para conduzir o processo, marcado por turbulências