Ciclovia e nova Terceira Ponte serão apresentadas em reuniões públicas

Ciclovia, que terá mirante no vão central, também funcionará como barreira contra suicídios

O projeto para implantação de uma ciclovia e a ampliação da capacidade de tráfego da Terceira Ponte será apresentado à população da Grande Vitória em duas reuniões públicas, que serão realizadas na próxima semana, na Capital (3) e em Vila Velha (4). Os encontros são organizados pela Secretaria Estado de Mobilidade e Infraestrutura (Semobi), tendo o titular da pasta, Fábio Damasceno, à frente das exposições.

Além da ciclovia e barreira de segurança, segundo o projeto da Semobi, a Terceira Ponte ganhará mais uma faixa de tráfego em cada sentido, ficando com seis no total. Assim, a capacidade de fluxo de veículos será aumentada em torno de 40%. Hoje, a ponte possui quatro pistas, duas em cada sentido. De acordo com informações do Governo do Estado, a obra, orçada em cerca de R$ 100 milhões, deve ficar pronta num prazo de três anos, após concluído o processo de licitação. 

A estrutura utilizada para ciclovia e proteção contra suicídios será metálica. As ciclovias estarão nas duas laterais da ponte e abaixo da barreira. 

A Semobi informa que, em um primeiro momento, o projeto de implantação da ciclovia e a ampliação da Terceira Ponte serão expostos de forma didática. Depois, o público poderá tirar dúvidas e expor opiniões e expectativas. Para isso, as inscrições dos interessados serão realizadas nos próprios locais. As reuniões terão início às 19h, com duração máxima de três horas.

Projetos

Para viabilizar o projeto da ciclovia, a Terceira Ponte ganhará uma estrutura metálica nos dois sentidos, que também funcionará como uma barreira de proteção ao suicídio. A ciclovia contará com uma grade anti-escalada para a proteção, com altura de três metros, e uma pista com pavimento asfáltico de três metros de largura.

A estrutura próxima ao vão central também contará com um alargamento, chegando a seis metros, e funcionará com uma espécie de mirante. Neste ponto, parte da grade anti-escalada será substituída por vidro. As pistas serão de sentido único: uma para Vitória e uma para Vila Velha. Não haverá cobrança de pedágio para acessar a ciclovia, mas o acesso será liberado apenas com o CartãoGV (Bilhete Único Metropolitano) para maior segurança da via, sem efetuar desconto de tarifa.

Para a inclusão das novas faixas, as pistas existentes ficarão mais estreitas e as proteções central e laterais também serão estreitadas. As pistas laterais serão de uso exclusivo de transporte coletivo e passarão a ter 3,10 metros cada. Já as pistas no meio serão para automóveis e terão 2,80 metros cada. 

A simulação do projeto mostrou eficiência e melhoria do trânsito em todos os horários.

Em março, após dois anos de discussão, os deputados estaduais aprovaram o Projeto de Lei (PL) 2/2017, que obriga a instalação de grades, telas, redes ou qualquer outro meio de proteção que impeça suicídios na Ponte Darcy Castello de Mendonça, conhecida como Terceira Ponte. O PL é do deputado Euclério Sampaio (PDT). 

A proposição prevê que o instrumento escolhido para ser instalado na Terceira Ponte – rede, tela, grade ou outro – seja de difícil escalada e aprovado pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-ES) e Corpo de Bombeiros Militar (CBMES) como forma de atestar a eficiência do dispositivo.

REUNIÕES PÚBLICAS

Vitória
Dia: 3 de setembro de 2019.
Local: Auditório do Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão – CIAC - Endereço: Rua Vitório Nunes da Mota, 220 - Enseada do Suá.
Horário: das 19h às 22h.

Vila Velha
Dia 4 de setembro de 2019.
Local: Auditório da Escola Estadual Vasco Coutinho - Município de Vila Velha. Endereço: Avenida Luciano das Neves, s/n - Centro de Vila Velha.
Horário: das 19h às 22h.

Leia Também:

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para mantê-lo ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
1 Comentários
  • Douglas , quarta, 28 de agosto de 2019

    Alguém acredita mesmo num projeto desses... se os governos Hartung/Casagrande sequer conseguiram terminar uma caixa de concreto que se chama Cais das Artes vai construir algo mais complexo?!? Veremos....

Matérias Relacionadas

MPES recorre de decisão que descongela pedágio da Terceira Ponte

Decisão da 2ª Vara da Fazenda Pública Estadual de Vitória pode aumentar tarifa

Pedágio na Terceira Ponte aumenta para R$ 2,10 no próximo ano

Já na Praça do Sol-Guarapari, valor permanecerá R$ 9, porque a Rodosol não respeitou prazo para obras  

Veja quem ganhou o Desafio Intermodal entre Vitória e Vila Velha

Ciclistas, pedestre e motoristas de carros e motos fizeram percurso simultaneamente no horário de pico

Rodoviários decidem manter greve com circulação de 75% da frota nesta terça

Assembleia da categoria realizada na Praça Oito resolveu acatar decisão da Justiça do Trabalho