Círculo Palmarino realiza Acampamento da Juventude Negra

Atividade acontecerá em janeiro em São Mateus, com inscrições gratuitas e atividades políticas e culturais

O Círculo Palmarino, entidade nacional do movimento negro, organiza pela segunda vez o Acampamento da Juventude Negra do Espírito Santo (Acampanegrxs), que será na cidade de São Mateus, no litoral norte do Estado. As inscrições são gratuitas com transporte, alimentação, hospedagem e material didático incluídos. O acampamento acontecerá entre 17 e 19 de janeiro.

Podem participar jovens negros de qualquer município do Espírito Santo, que devem preencher um formulário de seleção. Devido à quantidade de vagas limitadas, a organização do evento buscará escolher um grupo com a maior diversidade possível. O resultado final será divulgado no dia seis de janeiro de 2020, na página do Círculo Palmarino do Espírito Santo no Facebook.

De acordo com a entidade, entre os objetivos estão reunir a juventude para confraternizar e debater o enfrentamento ao racismo, conhecer o território do Sapê do Norte, região de forte presença da negritude e dos quilombos, e planejar ações conjuntas para o ano de 2020. “Constituiremos uma rede para fortalecer ações nas comunidades, onde cada participante está inserido. Vocês terão a missão de organizar a III Jornada Estadual Contra o Extermínio da Juventude Negra. Mas não se preocupem, vocês vão tirar essa fita de de letra”, convida o chamado feito pela organização na internet.

A programação do acampamento contará com uma visita ao Sítio Histórico de São Mateus, por onde chegaram muitos negros escravizados séculos atrás, e também a uma comunidade quilombola na região, locais que viraram símbolo da resistência negra contra a opressão. A programação terá momentos de conversa, debate e interação entre o grupo, com temas como história, relações raciais e enfrentamento ao racismo, além de uma noite cultural. “Tudo isso buscando resgatar a nossa ancestralidade, fortalecer a nossa resistência e criar formas coletivas de lutarmos contra o racismo no próximo período”, diz o convite.

Outras dúvidas sobre o Acampanegrxs podem ser tiradas pelo e-mail circulopalmarinoes@gmail.com, pelo telefone e Whatsapp em (27) 99793-8060 ou pela página do Círculo Palmarino ES.

Sarau Palmarino no fim de semana

Outra atividade realizada pelo Círculo Palmarino é o Sarau Palmarino, com frequência mensal. A edição de dezembro acontecerá no próximo sábado (7), de 15h às 17h, no Bar da Zilda, Centro de Vitória. Na edição que é comemorativa do Dia do Samba, a homenageada vai ser a anfitriã Zilda Antônio Aquino, dona do bar que é uma referência para o fortalecimento do samba no Espírito Santo e espaço de resistência da cultura negra capixaba.

De maneira especial, o Sarau Palmarino será encerrado com participação da bateria da escola de samba Unidos da Piedade. O evento faz parte da programação do Encontro de Comunidades em Resistência (ECR), em parceria com as Brigadas Populares.

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para mantê-lo ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.

Matérias Relacionadas

Pescadores ocupam escritório da Fundação Renova em Aracruz

Sem receber auxílio pelo crime da Samarco/Vale-BHP, eles acampam no local desde segunda-feira

Mulheres realizam performance 'O estuprador é você' em Vitória

Apresentação criada por chilenas vem sendo reproduzida em vários países e ganhou versão capixaba

Promessa de auxílio do governo federal é enganação, diz pescador

Liderança do Estado, Nego da Pesca acredita que capixabas não receberão apoio por impactos do óleo

AfirmAção Rede de Cursinhos representa Estado em evento internacional 

Entidade debateu educação e população negra, com formalização de grupo de trabalho em defesa das cotas