Enivaldo dos Anjos volta a pedir prisão de dirigentes da Vale por homicídio

Deputado cobrou crime da Samarco/Vale-BHP e responsabilidade por poluição do ar no Espírito Santo

O deputado estadual Enivaldo dos Anjos (PSD) voltou a pedir, nesta sexta-feira (25), a prisão de dirigentes da Vale por homicídio em decorrência de mais uma tragédia registrada em Mina Gerais com o rompimento da barragem de Brumadinho, região metropolitana de Belo Horizonte, que registra 200 desaparecidos. Ele defendeu a mesma medida há três anos, após o crime de Mariana, que se estendeu ao Espírito Santo.

“O Ministério Público Federal comprovou que a Samarco sabia do risco da barragem de Mariana romper, denunciou mais de 30 diretores da empresa, da Vale e da BHP por homicídio, mas no que deu a denúncia? Abafaram. E agora mais essa. Na tragédia de Mariana morreram 19 pessoas, agora morreram dez vezes mais. Tem que paralisar as operações dessas empresas, enquadrar todas elas dentro da lei, prender seus dirigentes ”, reagiu o parlamentar.

Enivaldo acusou as autoridades brasileiras de conivência: “É mais um caso de irresponsabilidade das autoridades. Enquanto o governo brasileiro tratar a Vale , a Samarco e a BHP como empresas sérias, isso vai acontecer no Brasil. As barragens estão todas condenadas e não se vê providências. Enquanto isso, eles vão continuar matando a população”.

Em 2015, ano do crime da Samarco/Vale-BHP, Enivaldo rejeitou sentar-se à mesma mesa de dirigentes da Samarco em visita à Assembleia Legislativa. Na ocasião, o deputado chamou a empresa de “irresponsável  e assassina”.

Para ele, o problema da poluição do ar no Espírito Santo, provocada pela Vale junto com a ArcelorMittal, também é outra situação anunciada. "Vai acontecer um desastre de uma hora para outra, aí vão dizer que não sabiam, isto sem contar os milhares de capixabas que morrem todo ano por causa da poluição”, completou.

“Onde está o Poder Judiciário, que permite estas empresas funcionarem? Elas são denunciadas direto ao Judiciário, mas parece que são intocáveis”, disparou o deputado.

Leia Também:

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para mantê-lo ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
1 Comentários
Matérias Relacionadas

'Crime do pó preto faz mais vítimas do que casos de Mariana e Brumadinho juntos'

Eraylton Moreschi, da Juntos-SOS ES, denuncia crime silencioso e continuado da Vale e Arcelor no Estado

Atingidos por crime da Samarco/Vale-BHP farão novo protesto após o Carnaval

Associações que se reuniram em Baixo Guando pretendem reunir 10 mil pessoas em março

Escolha cara

Casagrande teve no mínimo muito azar em empossar Vasco Gonçalves logo na véspera da prisão da PF

'A tese da PM e a minha era de que não houve mando no crime do juiz'

Coronel Aurich relembra as controvérsias do caso Alexandre Martins e fala do movimento da PM de 2017