Guilherme Boulos participará de encontro em defesa da educação na Ufes

Ex-candidato à presidência do Psol realiza caravana pelo país com lema 'Oposição é na rua'

Uma das mais importantes lideranças de movimentos políticos e sociais à esquerda no Brasil, Guilherme Boulos (Psol) virá a Vitória no dia 19 de setembro. O coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e da Frente Povo Sem Medo, que disputou a Presidência da República em 2018, participará do ato denominado "Defender a Educação e defender o Brasil", que acontecerá às 19h na Praça das Bandeiras, localizada em frente à Reitoria da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), no campus de Goiabeiras.

A educação pública é um dos setores que vêm sendo fortemente afetados pelos cortes e políticas do governo federal, especialmente no ensino superior, considerado um espaço de pensamento crítico e resistência, tendo capitaneado as maiores manifestações contra o governo de Jair Bolsonaro (PSL) até o momento.


Foto: Facebook/ Guilherme Boulos

A visita a Vitória faz parte de uma caravana que Boulos e apoiadores realizam pelo Brasil. Em setembro passarão por sete estados, de norte a sul do País. Além do Espírito Santo, ele também participa ao longo do mês de atividades em Sergipe, Pernambuco, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e Pará, com o lema "Oposição é na rua", na qual pretende apontar alternativas para uma contraofensiva popular às propostas e projetos do governo de Jair Bolsonaro para o Brasil. 

O paulistano Guilherme Boulos, 37 anos, é formado em Filosofia e mestre em Psiquiatria. Iniciou a trajetória política aos 15 anos no movimento estudantil, quando atuou na União da Juventude Comunista (UJC). Filho de um casal de médicos, aos 20 anos foi morar numa ocupação com famílias sem teto, se consolidando como liderança do MTST, que já garantiu habitação para mais de 20 mil famílias por meio da luta social. Sua atuação lhe rendeu prêmios como o Santos Dias de Direitos Humanos, concedido pela Câmara Legislativa de São Paulo, e a Medalha do Mérito Legislativo pela Câmara dos Deputados em Brasília.

Sua primeira experiência eleitoral foi na candidatura à Presidência, sendo o mais jovem candidato da história do País. A chapa de Boulos teve como candidata a vice-presidência a líder indígena Sônia Guajajara, também do Psol, somando pouco mais de 600 mil votos.

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para mantê-lo ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
1 Comentários
Matérias Relacionadas

Encontro de Folia de Reis de Muqui acontecerá em dezembro

Coluna CulturArte: traduções de Machado de Assis, condenados na Lei Rubem Braga, Bloco da Esquerda Festiva

Documentário registra relações das crianças com 'cultura do mangue'

‘Mangue Escola’ será exibido segunda-feira no Cine Metrópolis mostrando raízes culturais de Goiabeiras

Professores da Ufes disputam direção do sindicato da categoria 

Três chapas participam do pleito, sendo uma representando o movimento de direita 

Ethel Maciel vence consulta informal para reitoria da Ufes

Atual vice-reitora foi a mais votada entre alunos e professores, mas decisão final será de Bolsonaro