Quarta conferência estadual é o principal desafio para juventude este ano

Última edição do evento foi em 2015; Cejuve irá elaborar plano estadual para ser entregue a Casagrande

A realização de uma Conferência Estadual de Juventude é um dos principais desafios deste ano em relação à construção de políticas públicas para a juventude no Espírito Santo. Prevista para setembro de 2020, será a quarta edição da conferência, sendo que a última delas aconteceu em 2015.

O Conselho Estadual de Juventude (Cejuve) pretende que na ocasião seja elaborado um Plano Estadual de Juventude para ser entregue ao governador Renato Casagrande (PSB). Segundo Miguel Intra, atual presidente do Cejuve, a cobrança sobre o plano é antiga. Embora um projeto tenha sido elaborado em 2011, antes mesmo da existência do conselho, não chegou a ser implementado pelo governo estadual. Em setembro do ano ano passado, porém, durante a VIII Semana Estadual de Debate Contra o Extermínio de Jovens, o governador se comprometeu com a proposta do plano, pedindo que a Secretaria Estadual de Direitos Humanos (Sedh) e a Gerência de Juventude se envolvessem com a elaboração do mesmo.

De acordo com Miguel, outra demanda importante é a criação de um Fundo Estadual da Juventude, que permita a construção de políticas públicas com foco nessa população e o lançamento de editais para projetos relacionados com a juventude.

Também é expectativa a criação de equipamentos públicos nos territórios com maior índice de violência e mortalidade de jovens. O governo já sinalizou com o projeto de instalação de ao menos dois dos 14 previstos ainda neste ano, contando com estrutura multidisciplinar para atender os jovens em situação de vulnerabilidade.

O Cejuve pretende também ampliar a atuação junto às escolas em parceria com a Sedh e a Secretaria de Estado da Educação (Sedu) para apresentar e debater o Estatuto da Juventude e reforçar a importância da organização dos jovens e estudantes e da criação e manutenção de grêmios estudantis como forma de representação. A próxima reunião do conselho será na segunda-feira (3), para aprofundar os debates e encaminhamentos sobre as atividades e projetos para 2020.

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para mantê-lo ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.

Matérias Relacionadas

Escola de Fé e Política vai formar lideranças de base na Igreja Católica

Coordenador pedagógico, Maurício Abdalla falou sobre iniciativa que terá início em maio no Espírito Santo

Uma vez líder...

Enivaldo dos Anjos: um ex-líder do governo, na versão 2020, melhor até que a encomenda

Livro aborda história do movimento LGBTI+ no Espírito Santo

Primeira obra que sistematiza a luta histórica no Estado será lançado quarta-feira (18) em Vitória

Igreja Católica e movimentos sociais retomam articulações para 2020

Campanha da Fraternidade e plenária do Fórum Igrejas e Sociedade são ações dos próximos meses