Rua das Artes homenageia crianças neste domingo

Programação terá exposições de artistas, lançamento de livro, palhaçaria, congo, orquestra e ballet

Desde o final de 2016, o projeto Rua das Artes vem proporcionando momento e espaços para a divulgação da cultura e economia criativa em Vila Velha. Neste domingo, o evento que acontece na Prainha terá como tema “Brincando na Rua”, numa homenagem às crianças. 

Com programação entre 10h e 18h, a Rua das Artes vai contar com diversos artistas expositores e outras atrações como apresentação de palhaço, orquestra, congo, ballet e lançamento de livro. 

Entre os expositores estão as artistas plásticas Catarina Zambe, Marlise Bravo, Bia Zampieri e Lea Bersot. Haverá também uma praça de alimentação com diversos produtos. A programação cultural começa às 10h30 com o Palhaço Raolito. Às 14h30 haverá apresentação da Orquestra Artes Sem Limites, formada por jovens e ligada à Igreja Batista. Às 16h se apresenta a escola de ballet Skip Ballett, com um grupo de crianças de 7 a 14 anos sob coordenação da bailarina Débora Petruccy. Ainda haverá a Banda de Congo Beatos de São Benedito, às 17h.

As atividades acontecem na Praça Otávio de Araújo junto à Rua 23 de Maio. Ali mesmo, na sede da Academia de Letras de Vila Velha, haverá também lançamento e autógrafos do livro de poesias “Estou onde penso. Penso onde não estou, da designer e produtora cultural Giseli Suave.

AGENDA CULTURAL

Rua das Artes - Edição “Brincando na Rua”

Quando: Domingo, 14 de outubro, de 10h às 18h

Onde: Rua 23 de Maio, Prainha - Vila Velha/ES


Programação:

10h30 – Palhaço Raolito

14h – Orquestra Artes Sem Limites

16h – Skip Ballet

17h- Banda de Congo Beatos de São Benedito

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para mantê-lo ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.

Matérias Relacionadas

Novo disco do Dead Fish é um tapa na cara de Bolsonaro e seus asseclas

Rodrigo Lima, vocalista da banda capixaba que é referência no hardcore nacional, fala do álbum Ponto Cego

Documentário mostra vida de refugiados no Espírito Santo

Filme será lançado no Cine Sesc Glória e Cine Metrópolis e depois segue para festival em Portugal

Vila Velha retira conselhos de UCs da análise de empreendimentos

Ambientalistas acusam prefeitura de promover retaliação da sociedade civil e retrocesso ambiental

Organização que administra Infantil de Vila Velha é denunciada em Goiás

Menino com síndrome de down morreu após aguardar 11 horas por um leito em Goiânia