'Vou preparar o PSL para as eleições de 2020 e 2022'

Carlos Manato fala sobre o presidente eleito, Jair Bolsonaro, e a relação com Renato Casagrande

 

Carlos Manato (PSL), segundo lugar na disputa ao governo do Estado, fala sobre o projeto do presidente eleito do seu partido, Jair Bolsonaro, e a relação com Renato Casagrande (PSB) nos próximos quatro anos.

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para mantê-lo ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
2 Comentários
  • Maria Pontes de Souza , terça, 30 de outubro de 2018

    Dr Carlos Manato é um politico de moral ilibada respeitado e amado pelos seus amigos e eleitores ,a exemplo disso elegeu sua esposa com folga a deputada federal . O PSL estará apoiando toda sua condução ao governo do ES . Estaremos juntos sempre ,a nossa grande missão é limpar o nosso Estado da ideologia comunista ,que se esconde como tatu em uma toca de disfarce como socialista . Aqui estaremos unidos com Dr Carlos Manato ,Dra Soraia Manato Bolsonaro presidente ,Magno Malta e as lideranças importantes que nos proporcionarama vitória de um novo Brasil .O PSL 17 Será a bola da vez em novas eleições .

  • Joao Meneghelli , terça, 30 de outubro de 2018

    Esse Tal de Aluno Manato He um Bobão... Eu pergunto , o que ele fez em 24 anos como Parlamentar ... Eu Respondo - Bateu o Ponto Da Ptizinho Só por que é Riquinho...

Matérias Relacionadas

Justiça determina publicação imediata de edital das eleições do MDB de Vitória

Decisão foi lida em plenário pelo deputado José Esmeraldo, que moveu processo contra grupo de Lelo Coimbra

Corda bamba

Apontado há meses como o principal concorrente em potencial de Casagrande, Audifax vê seu projeto ruir

Comissão de Finanças já analisa projeto da LDO com aumento do déficit primário

O aumento do déficit primário na LDO segue a linha de cautela do governador Renato Casagrande

Defensoria entra na Justiça para reserva de cotas no concurso da Polícia Civil 

Uma ação civil pública foi protocolada na 1ª Vara da Fazenda para garantir cotas para negros