Três, dois, um… acabou

Feito um balão sumindo no céu, lá se vai 2019...

Feito um balão sumindo no céu, lá se vai 2019, que entrará para a história como o ano que passou e não volta mais. O festival de luzinhas se exibindo por toda parte vai aos poucos se apagando, dando lugar aos fogos de artifício de fundo de quintal, coisa miúda, feito milho de pipoca dançando alegremente. Nada mais tristonho que ver os bonecos infláveis natalinos de todos os tipos e tamanhos que enfeitaram portas e janelas agora esquecidos e murchos, balançando ao vento. Ninguém mais se lembra de inflar mas também não retira. Até o próximo Natal, amigos.

 *

Se o Natal foi tempo de reunir familiares e amigos, a passagem de ano é tempo de dispersar. Cada grupo procura o programa que mais gosta ou o passeio com que sonhou o ano todo. Ou o que der no bolso. Natal com neve (pelo menos no cinema) é lindo, mas ano novo com sol e água de coco é muito melhor. A ideia é badalar nos lugares quentes, nos dois sentidos: Bahia de todos os carnavais, Recife do frevo, Fortaleza das jangadas e do forró. Guarapari ou Itaúnas? No longo colar de belas praias da costa brasileira a escolha é sempre difícil. Em qual delas dar as boas vindas ao Ano Novo?

*

A decisão fica por conta das linhas aéreas e empresas de turismo, com a onda migratória seguindo o calendário das promoções turísticas. Onde fica mais barato, iremos todos. O site CNN Travel mais uma vez lista o Rio de Janeiro entre os 10 melhores lugares para ver a chegada do novo ano bebericando champanhe na areia: “Se você quer celebrar o ano novo com mais dois milhões de pessoas em um maravilhoso resort de praia, vai para o Rio de Janeiro”. Vai que vale a pena ver de novo, se conseguir um cantinho para se encostar.

*

 Mas por que não olhar mais além? A nova moda internacional é Turks and Caicos, dois grupos de ilhas, Ilhas Turcas e Caicos, território britânico no Caribe. Além de praias maravilhosas, o local é também um paraíso fiscal. Se alguém aí ainda tem dinheiro escondido na cueca, Turks & Caicos é a melhor opção para receber 2020 de braços abertos e coração tranquilo, livre de impostos e vigilância incômoda. Você vai?

*

Outra opção quentíssima é um cruzeiro de luxo no Caribe, e ilhas no Caribe não faltam. Pense mais alto. Allure of the Sea, da Royal Caribbean, é o navio de cruzeiro mais caro do mundo. Imagine as amenidades, um adeus-ano-velho embalado pela brisa marinha, adornado pela lua sempre cheia, céu sempre azul, música suave e ventos sempre brandos. Onde os ricos transitam nunca chove, empregados nunca entram em greve, e o ano é sempre bom, seja o que acaba como o que chega.

*

Entra ano sai ano, e esse é o evento mais pungente do nosso calendário, um registro vivo e a cores da ingratidão humana: 365 dias atrás, esse mesmo ano que todo mundo está feliz em mandar para as calendas gregas foi recebido com festas e fogos de artifício. Ou seria culpa do inconstante coração humano? Onde quer que você esteja, que 2020 chegue com fogos pipocando e corações se amando. Por melhor que tenha sido 2019, que 2020 seja ainda melhor: 365 dias de muita risada e boas notícias para você e todos que você ama.

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para manter ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.