Candidatos ao Senado votaram cedo neste domingo

Magno Malta, empatado tecnicamente com Contarato, votou em Vila Velha; já Ferraço e Do Val em Vitória

Os principais candidatos que disputam as vagas ao Senado Federal aproveitaram para votar logo pela manhã deste domingo (7). Além de Fabiano Contarato (Rede), que votou às 8h44, na Faculdade de Direito de Vitória (FDV) em Santa Luzia, Vitória, também votaram antes do meio-dia Magno Malta (PR), Ricardo Ferraço (PSDB) e Marcos Do Val (PPS). 

A eleição ao Senado, que irá definir os parlamentares capixabas que representarão o Estado em Brasília, é a mais disputada do Estado. Nas últimas pesquisas divulgadas, o já experiente Magno Malta (PR) aparece tecnicamente empatado dentro da margem de erro com o estreante Fabiano Contarato, respectivamente 25% e 24%, de acordo com pesquisa do Ibope/Rede Gazeta. Marcos Do Val segue subindo nas intenções de voto, o que pode embolar ainda mais a disputa, ameaçando também o experiente Ricardo Ferraço (PSDB).

O Espírito Santo tem direito a duas vagas no Senado Federal.

Vila Velha

Contando com os votos dos evangélicos e apoio do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), Magno Malta, pastor evangélico e cantor de pagode gospel, votou por volta das 8 horas no bairro de Itapoã, em Vila Velha. Malta votou acompanhada da esposa, a também candidata Lauriete (PSL), que disputa uma vaga de deputada federal.

Nas redes sociais, a equipe de campanha de Malta escreveu: “Consciente do trabalho realizado e que Deus é o seu guia, Magno Malta votou cedo. Em Vila Velha, cumpriu o seu dever cívico”. Magno vestia camisa com o dizer” Criança nasceu para ser amada e não abusada”. Segundo Magno, caso reeleito, continuará defendendo as mesmas bandeiras, que incluem redução da maioridade penal, pena de morte e manutenção da criminalização das drogas. 

Ricardo Ferraço (PSDB), por sua vez, votou pela parte da manhã na Escola da Ilha Novo Mundo, na Praia do Canto, na Capital. Para Ferraço, "o povo capixaba saberá reconhecer aqueles que fizeram e trabalharam em prol do Estado".

Já Marcos Do Val votou no Colégio UP de Vitória por volta das 9h15. O candidato reclamou dos parcos recursos para a campanha, comparados os grandes cacifes que já estão com mandatos. Depois, ele acompanhou o ex-governador Renato Casagrande (PSB), candidato ao Palácio, em sua votação no Colégio São Domingos, Bento Ferreira. 
 

Comente Aqui
Confirme seu comentário no e-mail em até 48 horas para mantê-lo ativo.
Atenção caros leitores, comentários com link não serão mais aceitos. Evite ser bloqueado.
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar.

Matérias Relacionadas

Desilusões, desilusões...

Fabiano Contarato e Marcos Do Val: dois votos ‘casados’, dois extremos

Projeto que pode anistiar policiais militares tem votação adiada no Senado

Como outros estados querem ingressar na proposta, o PL volta para apreciação de comissão e da Câmara 

Conselho recorre a senadores contra decreto que facilita posse de armas

CEDH alerta que medida sancionada por Bolsonaro agravará os casos de feminicídios no Estado

Ódio, presente

O discurso de ódio vira marca da campanha presidencial e recebe estímulo de lideranças evangélicas